Logo casa dos contos
Esqueceu a sua senha? Clique Aqui

Principal Categorias Ultimos Contos Melhores Enviar Contos Painel Cadastro Fale conosco
Categorias Ultimos Contos Melhores Enviar Contos Painel Cadastro Fale conosco Login

INÍCIADA PELO IRMÃO

Por: VAL - Categoria: Incesto

    Gosto de ler os sites de contos eróticos principalmente contos de incesto,por coincidência descobrí este site e lí alguns contos que o maninho escreveu a nosso respeito e para aporinhá-lo resolví contar minha versão. Qdo nascí papai morreu dias depois e fui criada por minha mãe,como tenho só um irmão que é cinco anos mais velho que eu,sempre fui muito apegada a ele tanto que só poderia dar noque deu,hoje sou sua putinha e,tudo começou qdo eu ainda era menina;aos sete anos qdo um dia minha mãe saiu deixando-nos só em casa,ficamos limpando a casa e qdo chegamos no quarto da minha mãe começamos a brincar em sua cama eu subí sobre ele foi qdo senti pela primeira veiz uma coisa dura em minha bocetinha sentí umas fisgadinhas e uma sesação gostosa que me deixou um pouco confusa,qdo ainda sem saber o que fazer meu maninho virou-me de bruços e começou a me esfregar aguela coisa dura em minha bundinha,que sensação mais gostosa que dava,achei estranho que ele me cutucava por tráz mas sentia umas fisgadas gostosa em minha bocetinha até que ele começou a ofegar por cima de mim, pudí sentir aguele troço duro latejar em minha bundinha e,qdo parou o maninho deitou-se a meu lado ele parecia estar cansado,tive um sentimento de culpa mas ao mesmo tempo me sentí poderósa,descobrí então como conseguir dominá-lo,foi ai que tudo começou pois qdo eu queria alguma coisa eu o provocava e acabava levando umas encoxadas,comecei a gostar;até que aos nove anos e meu maninho com quatorze aliás ele era moreno 1,70 de altura e como jogava bola tinha o corpo atlético com as pernas bem torneadas,chamava a atenção das minhas coléguinhas que sempre o elogiavam,certo dia eu comecei a coverssar com uma coléguinha minha e ela acabou me confessando que tinha dado seu cuzinho para um primo,que doeu no início mas agora ela sempre dava prá ele foi então que perguntei a ela se ela teria corragem de fazer aguilo com seu irmão,ela mais que depressa me disse se tivesse um igual eu tinha ela não perderia tempo,é logico que ela tinha uma caidinha pelo meu maninho e o seu era apenas um pirralho ainda,não conseguí dormir direito naguela noite eu não conseguia tirar á idéia de dar pro meu maninho, minha bocetinha latejava e acabou ficando toda enxarcada,demorou mas acabei dormindo;no outro dia meu maninho saiu para jogar bola dizendo que voltaria depois do almoço,mais logo após o almoçarmos minha mãe disse que ia vizitar uma tia nossa e me pediu que qdo meu irmão chegasse,que pedisse a ele que me ajudasse em casa pois ela iria demorrar um pouco,qdo ela saiu sentí um desejo imenso de ser possuida pelo maninho e comecei a sentir umas fisgadinha na bocetinha me deixando molhadinha,então fui tomar um banho e,coloquei a calçinha mais pequena e apertadinha e,a saia mais curtinha que eu tinha,fiquei esperando por ele até qdo ví que estava chegando eu corrí para dentro e deitei-me de bruços,erguendo um pouco a minha saínha e puxando a calçinha,fiz com que ela entrasse quase toda em minha bundinha,fiquei descoberta quase núa,meu maninho entrou em casa e foi tomar um banho,eu estava anciosa qdo ele chegou no quarto e dirigindo-se para mim começou a passar-me a mão,fiquei toda arrepiada e molhadinha qdo ele levou sua mão em minhas pernas dando um apertãozinho em minha bocetinha; fiquei surpresa qdo virei-me e o ví totalmente nú,sentí um pouco de medo qdo pude ver pela primeira veiz seu cacete que devia ter mais de 18cm e tinha uma cabeça desproporcional ao resto,nossa como era grande eu era delicada de estatura média,tive dúvidas de que tudo aquilo entraria em mim,até o maninho me pegando pelos pés me puxou para os pés da cama ele fez com que minha saínha erguesse por completo pegando em minha calçinha e começou a retirá-la,para demonstrar que eu também estava a fim erguí um pouco meu quadril,então ele tirou minha calçinha e abrindo minhas pernas pegou seu cacete e começou a passar em meu grilinho,foi qdo sentí pela primeira veiz tesão,eu já estava quaze desmaiando qdo ele posicionuo aquele tamanho de cacete na minha grutinha dando uma estocada parando em meu cabaçinho,dei um pulo para traz soltando um gritinho,então ele disse que eu ainda era muito pequena para fazer aquilo,virou-me de bruços dizendo que ia me dar uma coisa que eu iria gostar e não me estragaria pois eu era muito nova ainda,ele pediu-me que segurasse minha bundinha aberta e passou guspi em seu cacete e o colocou em meu cuzinho ainda virgem,eu estava anciosa para ser possuida pelo maninho,sentí uma dor imença qdo aguela cabeça desproporcional entrou em meu cuzinho,pedí dezesperadamente que ele parasse um pouco e que fosse devagarinho,ele atendendo meu pedido deu uma paradinha e foi aos poucos enfiando aquela torra dentro de mim,sentí como se fosse um ferro em brasa entrando dentro do meu corpo,entrou tudo,sentí seu saco bater na portinha da minha bocetinha,eu não estava acreditando que o maninho estava com seu cacete todo em mim,estava doendo ainda qdo ele começou a bombar no meu cuzinho com todo carinho,eu não sabia se estava sentindo dor ou prazer,até que levei minha mão em minha xaninha e comecei a acaríciar meu crítoris,entreguei-me de veiz,ele me errabou por uns vinte minutos,acho que gozei umas quatro vezes até que aquela torra grossa começou a latejar dentro soltando um liguído quente e grosso,qdo ele acabou deitou-se a meu lado começando a acaríciar-me,perguntei se aguilo que ele tinha soltado dentro era pora,ele confirmando pegou minha mão e levou em seu cacete que estava ainda melado me ensinando a tocar uma,eu aprendí logo,então ele pegando o seu cacete assumiu os movimentos que eu estava fazendo e posicionando-se entre as minhas pernas fez com que eu levantasse um pouco o quadril e encostando sua torra na minha bocetinha soltou um jato de pora na grutinha e,debruçando-se por cima de mim acabou de esporrear em meu corpinho passando o seu cacete por todo meu corpo,foi a primeira veiz que fui possuida por um homem e fiquei sabendo o que era pora,perdí a virgindade do meu cuzinho com o maninho...CONTINUA!

Comentarios
Seja o primeiro a fazer um comentario nesse conto.
Comente esse conto abaixo

(Numero maximo de caracteres: 400) Você tem caracteres restantes.

Desejo registrar meu voto junto com o meu comentario:


Ficha do conto
foto avatar usuario VAL
Por: VAL
Codigo do conto: 299
Votos: 1
Categoria: Incesto
Publicado em: 12/08/2014

×

OPS! Para votar nesse conto voce precisa efetuar o login

Mais contos desse usuario

Curei a deprecao da sobrinha tirando sua virgindade


Este site contém contos eroticos, fotos e videos destinados exclusivamente ao público adulto.
Ao acessá-lo, você declara que tem no mínimo 18 anos de idade e que no país onde você esta acessando esse conteúdo não é proibido.
© 2005-2020 - CasaDosContos.com - Todos os direitos reservados