Logo casa dos contos
Esqueceu a sua senha? Clique Aqui

Principal Categorias Ultimos Contos Melhores Enviar Contos Painel Cadastro Fale conosco
Categorias Ultimos Contos Melhores Enviar Contos Painel Cadastro Fale conosco Login

minha esposa e seu garanhão

Por: manso - Categoria: Cornos-Cuckold

   Quando se tem uma verdadeira puta em casa , o tesão esta sempre no ar , noite de quarta e eu olhando e editando umas fotos que sempre tiro dela com os seus machos, de repente ela entra no quarto e senta na minha perna, na hora achei que queria olhar as fotos , mas ela com carinha de putinha me diz, não prefere olhar ao vivo, disse , claro que sim , como ela estava de vestidinho de alça e bem curtinho como ela gosta, e esta sempre sem calcinha , abriu um pouco as pernas e me disse , olha aqui como ela esta , louca por um pau de verdade , e você olhando foto, hoje no centro vi o paulo e minha bucetinha ficou assim , paulo é um engenheiro a trabalho em nossa cidade com quem saimos umas vezes, e ela nunca negou que seu pau a preenche toda , então falei posso ligar para ele , e la saiu do meu colo e foi ao banho , terminei de editar uma foto e liguei ele estava em casa , falei para ele o que ela queria e ele disse estou abrindo a porta do apartamento para voces vou tomar banho , respondi ok e falei para ela que saiu do banho e foi passar seus cremes ,até hoje não entendo mulher passa creme ate na buceta, kkk , enquanto ela fazia isso fui ao banho , quando sai ela estava com um mine fio dental que eu mesmo compro para ela, e o sutien também pequenos para que o bico do seio fique escapando , ela colocou um camisão por cima , eu só coloquei uma camiseta e uma bermuda também não uso cueca ,em pouco tempo estávamos na porta do ap dele, apertei a campainha e ele apareceu mostrando somente o rosto na porta, estranhei , ela entrou primeiro e deu um suspiro , eu entrei e pude ver o porque do suspiro , paulo estava pelado e com seus 23 centimetros de pau em riste , ele fechou a porta e ela caiu de boca no cacete dele , ela passava a língua na cabeça do pau e massageava as bolas dele, hora metia o cabeção na boca tentando meter mais para dentro da boca , tirava e passava a boca aberta em toda a extensão do pau , o pau dele babava saia aquele caldinho pelo canal da uretra, vim por trás dela e passei o dedo na sua buceta estava toda lambuzada , falei para ele e ele a pegou no colo , e a levou para o sofá , abriu bem as pernas dela e chupou que estalava suas chupadas , ele metia a língua bem no fundo da buceta e tirava e brincava no grelinho dela , ela se retorcia gozando , e não aguentando mais pediu para ele meter nela que ela não aguentava mais de tanto tesão , ele sem cerimonia esfregava o cabeção na buceta lambuzada e sem que ela se desse conta ele meteu de uma só vez seus 23 cm para dentro , o que causou uma enorme dor e um grito forte dela ,mas ele como bom fodedor agarrado nos quadris dela ficou entalado nela , mesmo ela se torcendo de dor , a dor foi passando e ele começou a tirar e meter o pau nela , meteu assim por uns vinte minutos e depois sentou no sofá e ela foi por cima meteu e rebolava dizendo que isso que é pau de verdade a cabeça dele ta lá no meu útero e eu to adorando , ele levantou ela e o pau escapou, e ele ficou esfregando no rego dela as vezes ele ponha a mão para forçar a cabeça roçar no cú dela, e ela se atirava para trás querendo, ele voltou a meter na buceta e ela se desmanchava gozando , ele a levou para a cama , e lá pareciam dois namoradinhos se beijando e se tocando , ele de pau duro e ela escorrendo tesão como mostra a foto , depois ela subiu novamente para cima e cavalgou seu garanhão por um bom tempo, ele a tirou de cima e a colocou de quatro , lambeu seu ânus , brincou com o debo e depois esfregava a cabeça do pau , e foi colocando , entrou a cabeça e ela urrava mas não fugia e ele foi metendo até que encostou as bolas nas nádegas , ele adora ficar quieto entalado por um tempo assim depois começou a socar ela que não parava de gozar , seu gozo criou um fio grosso que foi até o lençol , e ele socou até encher a camisinha de leite, e ficou entalado esperando o pau murchar , depois cairam de lado , e ela tirou a camisinha do pau e lambeu o leite para deixar limpo , foram ao banho e se arretaram novamente , fui ver a demora ela estava mamando ele , que não demorou muito encheu a boca dela de leite , sentamos para eles decansarem e voltamos para casa , ela toda ardida como gosta de ficar quando fode com outro macho, na nossa cama enchi ela de carinho , chupei e passei a língua bem de vagarinho na sua buceta , e ela gozou novamente , e eu como gosto lambi todo seu gozo .

Comentarios
Seja o primeiro a fazer um comentario nesse conto.
Comente esse conto abaixo

(Numero maximo de caracteres: 400) Você tem caracteres restantes.

Desejo registrar meu voto junto com o meu comentario:


Este site contém contos eroticos, fotos e videos destinados exclusivamente ao público adulto.
Ao acessá-lo, você declara que tem no mínimo 18 anos de idade e que no país onde você esta acessando esse conteúdo não é proibido.
© 2005-2018 - CasaDosContos.com - Todos os direitos reservados