Logo casa dos contos
Esqueceu a sua senha? Clique Aqui

Principal Categorias Ultimos Contos Melhores Enviar Contos Painel Cadastro Fale conosco
Categorias Ultimos Contos Melhores Enviar Contos Painel Cadastro Fale conosco Login

ERA SÓ PRA DAR O TROCO II

Por: melzinha - Categoria: Traicao

QUANDO NÃO CONSEGUIA FUGIR DO MARIDO GOZAVA DEMAIS COM FLASH NA MENTE LEMBRANDO O CACETE DO MOLEQUE DENTRO DE MIM SENTINDO UM MISTO DE RAIVA NÁUSEAS E ANGÚSTIA PORQUE O MARIDÃO FICAVA EMPOLGADO ACHANDO QUE ERA O TAL POR ME FAZER GOZAR DEMAIS CHEGANDO A DAR DÓ DO COITADINHO QUE COM CERTEZA ME MATARIA SE SOUBESSE A VADIA QUE FUI DANDO PARA OUTRO NO MEIO DO MATO NA FRENTE DE OUTROS E ASSIM COMECEI A PESQUISAR COM AS MENINAS QUE ME ACONSELHAVAM A NÃO DAR TRELA PARA ELE DESCOBRINDO QUE SEU NOME ERA ADILSOM FILHO DESERDADO DE UM RICO EMPRESÁRIO DO BAIRRO INCLUSIVE AMIGO DE MEUS PAIS E QUE SUA IRMÃ ERA MINHA AMIGA DISTANTE QUE NUNCA ME FALOU DELE. MEUS PAIS COMEÇARAM A PEGAR NO MEU PÉ POR CONTA DAS ROUPAS QUE USAVA ULTIMAMENTE COM MINHA MÃE AFIRMANDO QUE ATÉ COM ROUPAS DE PANO DE SACO EU FICAVA BEM PORQUE TENHO UM CORPO PERFEITO ALEM DE LINDA E QUE NÃO PRECISAVA APELAR COMO ESTAVA FAZENDO PORQUE ISSO ESTIGAVA ATÉ OS HOMENS MAIS SERIOS SE CALANDO QUANDO PERGUNTEI IGUAL PAPAI, PORQUE VI ALGUMAS VEZES ELE ALISANDO O CACETE ENQUANTO OLHAVA PARA MIM. MAIS UMA VEZ CULPEI MEU MARIDO POR ACHAR QUE FORA RECLAMAR DE MIM COM MEUS PAIS E A RAIVA ME FEZ PROJETAR OS SENTIMENTOS PARA ADILSOM IMAGINANDO O QUE ESTAVA FAZENDO COM MINHA CALCINHA E ISSO ME DEIXAVA DOIDA DE TESÃO ME OBRIGANDO A ME ACABAR NA SIRIRICA PORQUE NÃO QUERIA DAR PARA MEU HOMEM MENTINDO QUE IA DESCER PARA MIM. NUMA TARDE LAVAVA O QUINTAL FAZENDO A ALEGRIA DOS TARADOS DE PLANTÃO POR USAR UM SHORT DE LYCRA AMARELO QUE FICAVA CADA VEZ MAIS TRANSPARENTE A MEDIDA QUE MOLHAVA MOSTRANDO CLARAMENTE O ROSADO DA BOCETA POR ESTAR SEM CALCINHA. A TARDE ENQUANTO TOMAVA BANHO NÃO SUPORTANDO MAIS O TESÃO LIGUEI PARA MEU HOMEM MANDANDO FOTOS DA BOCETA AVISANDO QUE PRECISAVA DELE QUE RESPONDENDO FALOU QUE CHEGARIA TARDE PORQUE ERA DIA DE FUTEBOL E MAIS PUTA DA VIDA FIQUEI QUANDO VI QUE LEU MINHA MENSAGEM E NÃO RESPONDEU QUANDO FALAVA QUE SE NÃO ESTIVESSE EM CASA AS OITO IA SAIR E DÁ PARA O PRIMEIRO HOMEM QUE ENCONTRASSE. ERA QUASE NOVE HORAS QUANDO NÃO SUPORTANDO A LOUCA EXCITAÇÃO COLOQUEI UM VESTIDINHO BRANCO COM DETALHES EM PRETO SUPER CURTO COM A BARRA POUCO ABAIXO DO MEIO DA BUNDA E SAI DIRIGINDO A ESMO PELA CIDADE COM OS VIDROS DO CARRO ABERTOS E OS QUE ME VIAM FAZIAM GRANDE ALGAZARRA COM ALGUNS TIRANDO FOTOS OU FILMANDO POREM NINGUÉM TINHA CORAGEM DE IR ALÉM, TOMADA PELA POMBA GIRA, SÓ PODIA SER, QUANDO PASSAVA EM FRENTE ONDE ADILSOM ME COMEU PAREI O CARRO, TIREI A CALCINHA E DESCI CAMINHANDO BOM PEDAÇO ME ESCONDENDO ATRÁS DAS ARVORES QUANDO VINHA ALGUM CARRO, QUANDO VI UM CASAL E MAIS DOIS HOMENS QUE CORRIAM PRÓXIMOS DELES QUASE GOZEI PENSANDO QUE AFINAL TERIA UM POUCO DE AVENTURA PORQUE NÃO ME DEIXARIAM UMA MULHER LINDA E GOSTOSA, SEMI NUA NA MÃO. QUANDO ESTAVAM BEM PERTO ARREGUEI ME DANDO UM MISTO DE PAVOR E MEDO E MAIS QUE DEPRESSA SAI APRESSADA EM DIREÇÃO A MEU CARRO COM O PAVOR AUMENTANDO QUANDO NAO ACHEI ELE ONDE ESTACIONEI NEM ME DANDO CONTA COM ELES PASSANDO POR MIM COMENTANDO ALGO, COM A MULHER FALANDO QUE NÃO ERA BOM EU FICAR ALI PORQUE NÃO ERA LUGAR DE PUTA FAZER PONTO. NÃO SABIA O QUE FAZER QUANDO NOTEI OS DOIS HOMENS FICANDO PARA TRÁS ENQUANTO O CASAL SE DISTANCIAVAM DELES, QUANDO DETAM MEIA VOLTA ME APAVOREI QUASE ME MIJANDO DE MEDO E ENTRANDO NA MATA ME ESCONDI NUMA MOITA COM ELES BEM PROXIMOS A MIM COM A LUZ DO CELULAR PASSANDO VEZ OU OUTRA POR MIM COM ELES COMENTANDO QUE NÃO PODIA ESTA MUITO LONGE FALANDO QUE DERAM BOBEIRA QUE SÓ PODIA SER TRAVESTI POR TAMANHA AUDACIA COM UM FALANDO QUE NÃO É ME DEIXANDO MELADA COMENTANDO O QUE FARIAM COMIGO, ESTAVA QUASE ME ENTREGANDO NÃO CONSEGUINDO MAIS VENCER A EXCITAÇÃO QUANDO UM DELES ALERTOU QUE DEVIAM SAIR DALI PORQUE SÓ PODIA SER ARMADILHA, QUANDO SAIRAM NA CALÇADA, SAI ATRÁS QUASE ARREPENDIDA COM ELES ENCONTEANDO O CASAL INDO EMBORA DALI. SENTIA O FRIO NO CORPO TRÊMULO TOMANDO CORAGEM PARA SAIR DALI E ME ARRISCAR PEDINDO CARONA JÁ BOLANDO PLANOS NA MENTE QUE ESTAVA COM A TURMA FAZENDO DESPACHO, O QUE É COSTUMEIRO ALI, MESMO PROIBIDO, QUANDO GELEI FICANDO ESTÁTICA AO OUVI UM ROSNADO ATRÁS DE MIM SENDO SOCORRIDA POR UM SENHOR COM OUTRO CACHORRO NA GUIA E MENTINDO SOBRE O QUE FAZIA ALI ELE ME OLHOU DE CIMA ABAIXO QURENDO SABER MINHA RELIGIÃO, QUANDO DISSE QUE ACREDITAVA EM TUDO ME DEU SUA CAPA PARA VESTIR FALANDO QUE MORAVA PRÓXIMO DALI E QUE ME LEVARIA EM CASA. ELE ESTRANHOU MINHA AMIZADE COM SEUS CACHORROS ENQUANTO CAMINHÁVAMOS FALANDO QUE ELES SÃO ANTISOCIAIS INCLUSIVE RESPONDE PROCESSO PORQUE O QUE MAIS DEMONSTRAVA SER MEU AMIGO ERA O QUE GOSTAVA DE MORDER E RINDO POR DENTRO PENSANDO QUE O CÃO RECONHECEU A CADELA QUE ME TORNEI E ME DANDO UMA BELA AULA SOBRE RELIGIÃO CHEGAMOS EM SUA CASA COM SUA ESPOSA ME ACOLHENDO ME DANDO ROUPAS DECENTES E CALDO VERDE. CONVERSAVA COMO NUNCA CONVETSEI COM NINGUÉM COM AQUELE CASAL QUE ME DEIXARAM A VONTADE SE OLHANDO VEZ OU OUTRA ENQUANTO ABRIA O CORAÇÃO PARA ELES COM A SENHORA INTERROMPENDO A CONVERSA FALANDO QUE TÍNHAMOS MUITO O QUE CONVERSAR ME DEIXANDO SEM GRAÇA COM O BEIJO QUE TROCARAM COMIGO PENSANDO, OBA HOJE TEM. JÁ ERA MADRUGADA QUANDO NOS DEMOS CONTA PORQUE MEU MARIDO RESPONDEU A LIGAÇÃO RUMANDO PARA LÁ PARA ME BUSCAR E QUERENDO AGRADECER SENTEI NO COLO DO VELHO ABRAÇADA SUA CABEÇA COM ELE FAZENDO CARINHO DISCRETAMENTE EM MEUS SEIOS QUANDO NOS BEIJAMOS QUASE TIVE UM ORGASMO PORQUE O COROA BEIJAVA MUITO BEM E IMAGINANDO AQUELA BOCA EM MINHA BOCETA, SENTEI NO ENCOSTO DO SOFÁ COM UMA DAS PERNAS EM SEU OMBRO E LEVANTANDO MEU VESTIDO FICOU ENCANTADO AO DAR DE CARA CO MINHA BOCETA ME FAZENDO NORDER A MÃO PARA ABAFAR OS GEMIDOS ENQUANTO GOZAVA NAQUELA BOCA MARAVILHOSA COM ELE PARANDO DE ME CHUPAR PARA FALAR QUE GEMESSE A VONTADE PORQUE SUA SENHORA NAO LIGA E ME ENCARANDO PERGUNTOU PORQUE SERÁ QUE ELA FOI EMBORA. ESTAVA COM O CORPO MOLE E PERNAS BAMBAS QUANDO ELE ME DEU O ÚLTIMO ORGASMO AO VER O FAROL ILUMINANDO O TETO DA CADA COM MEU MARIDO ESTACIONANDO EM FRENTE DA CASA E BEIJANDO SUA BOCA MELADA COM MEU GOZO TIVE MAIS UMA EXCITAÇÃO REPENTINA COM ELE NÃO QUERENDO ME COMER E ME DEIXANDO FAZER CHUPETA NELE QUASE ME AFOGUEI COM SEU CACETE MEIA BOMBA ATOLADO EM MINHA GARGANTA, JÁ COM A BOCA DORMENTE DE TANTO MAMAR AQUELE CACETE BEM MAIOR QUE O DO MEU MARIDO CHEGUEI A ME ASSUSTAR QUANDO FICOU DURO E SENTANDO NELE SENTI A GLANDE TOCAR MEU ÚTERO E JÁ QUASE TENDO UM ORGASMO AVASSALADOR SENTINDO A BOCETA FORMIGAR, SAI DELE NOS COMPONDO RÁPIDO COM A CHEGADA DE SUA ESPOSA E NOS DRSPEDIMOS RÁPIDO INDO EMBORA DALI COM MEU MARIDO ME XINGANDO PORQUE NÃO DEIXAVA PEGAR SEU CACETE ENQUANTO DIGIA E ANTES MESMO DE PARAR EM FRENTE DE CADA ENQUANTO O PORTÃO ABRIA PULEI DO CARRO TIRANDO A ROUPA E FORANDO O CARRO DEITEI COM A BUNDA ARREBITADA PEDINDO QUE ME COMECE. A PRINCÍPIO ELE RELUTANTE ABRIU E ZIPER E METEU ENTRANDO GOSTOSO COMENTANDO POR ESTAR SUPER MOLHADA, POREM OUVINDO MEUS GEMIDOS ENQUANTO REBOLAVA JOGANDO A BUNDA EM SEU PAU DEIXOU SUA CALÇA IR AOS PÉS CHEGANDO A LEVANTAR MEU CORPO NAS METIDAS VIGOROSAS QUE DAVA, QUANDO PASSOU UM CARRO COM O CASAL NOS OLHANDO CONTINUOU METENDO PORQUE JUREI MATAR ELE SE PARASSE E SENTINDO SEU CACETE CRESCENDO MUITO DENTRO DE MIM PARECENDO FORÇAS RENOVADAS GOZEI DEMAIS CHEGANDO A MIJAR EM SEU CACETE COM ELE ME PEGANDO NO COLO ME LEVANDO PARA NOSSA CAMA ME DEIXANDO ARREPENDIDA DE TER MEXIDO COM A FERA DANDO GRAÇAS A DEUS QUANDO GOZOU AVISANDO NÃO AGUENTAR MAIS. ELE DORMIA QUANDOA VIZINHA CHAMOU AVISANDO QUE O CARRO ESTAVA ABERTO ME CHAMANDO DE DOIDA QUASE ESPANCANDO O MARIDO AO ME VER INDO GUARDAR ELE SOMENTE DE CAMISETA E FIO DENTAL. PASSAMOS O DIA TODO DORMINDO A NOITE ENQUANTO JANTAVAMOS PEDI QUE NÃO TOMASSE MAIS AZULZINHO RINDO QUANDO ME CHAMOU PARA DAR UM ROLÊ FICANDO DE PAU DURO QUANDO ENCONTREI ELE A ESPERA NA SALA TENDO QUE ME IMPOR PARA SAIR AVISANDO QUE A NOITE ERA NOSSA QUANDO ABRI A CAPA DEIXANDO ELE ME VER COM UM CONJUNTO BRANCO COM SUTIA MEIA TAÇA CALCINHA FIO DENTAL CINTA LIGA MEIAS E SALTO ALTO. NAQUELA MADRUGADA ELE ME FEZ DE PUTA SUA PUTA ME MANDANDO DESCER PARA ABASTECER O CARRO TOMANDO A CAPA DE MIM, ME FAZENDO CAMINHAR PELAS RUAS, QUANDO PAROU NUMA RUA ERMA, QUASE ME MATOU DE TANTO METER EM MIM. DESDE ENTÃO TODA SEMANA ME PRESENTEIA COM LINGERIE E VRSTIDINHOS SEXY PORQUE NA MAIORIA DAS VEZES FAZ QUESTÃO DE RASGAR ANTES DE METER GOSTOSO EM MIM.

Comentarios
Seja o primeiro a fazer um comentario nesse conto.
Comente esse conto abaixo

(Numero maximo de caracteres: 400) Você tem caracteres restantes.

Desejo registrar meu voto junto com o meu comentario:


Ficha do conto
Avatar do perfil melzinha
Por: melzinha
Codigo do conto: 19062
Votos: 0
Categoria: Traicao
Publicado em: 11/01/2021

×

OPS! Para votar nesse conto voce precisa efetuar o login

Mais contos desse usuario

DOCE CACAU

DOEU MAIS FOI GOSTOSO

QUERO A SOGRINHA

QUERO A SOGRINHA II

MEU PAPAI

EU PAPAI E AMIGA NO CINEMA

MARI MEU PRIMEIRO AMOR.

NA PICA DE PAPAI

ELA FAZ O QUE ELE QUER.

EU E MAMÃE.

MEU MARIDO COME A FILHA.

MINHA TITIA

OS GATOS DE MAMÃE.

SR GUINA.

MEUS HOMENS

DEI PARA UM DESCONHECIDO

NÓS E UM CASAL DE AMIGOS.

O CHEFE DO MEU MARIDO, MEU SEGUNDO HOMEM.

MEU PADASTRO.

O FILHO DA DONA MARIA

O CACHORRO DE TITIA.

O CUNHADO DO MARIDO.

MEU CUNHADO

MEU CUNHADO II

VAGABUNDA

IRMÃO AMANTE.

IRMÃO AMANTE II.

MEU NEGO, DOCE PRAZER

LELÉ, EU!

LELÉ, EU! II

O MELHOR AMIGO DO MEU MARIDO.

MEU ADORÁVEL PAPAI

MEU AMOR, MAMÃE.

MEU TITIO

SURPRESA, SURPRESA.

FILHO CORNO, PAI TARADO.

EU PUTINHA E DEVASSA!

MEL

MEL II

QUERO DE NOVO

PUTINHA IGUAL MAMÃE.

IRMÃS

TRAINDO AO VIVO.

PERDI AS PREGAS DO CU PARA O CACHORRO

PUTA!

PUTA II.

'EU, MARQUINHOS E NILSOLA'

BIA

MEL DO PAPAI

MEU HOMEM, MEU IRMÃO

OS CACHORROS DE VOVÔ.

DE ESPOSINHA A EMPRESÁRIA DO SEXO

AH! SEU JOÃO

AH! PAPAI

MEU MARIDO!

TROLLER O ROTTWEILER DE TITIA.

PAPAI ME COMEU E VAI ME COMER NOVAMENTE.

PAPAI ME COMEU E VAI ME COMER NOVAMENTE. II

AH! SEU AROEIRA.

EU, TITIA E NOSSO SEGREDO.

CAIO, EU E BELA

MEL E MI, QUEM SABE UM DIA?

NOVINHA VADIA!

NÃO TEVE JEITO, TRAÍ.

FILHINHA DO PAPAI.

SOU DO PAPAI, SEMPRE.

TADEU, O CÃO SEM DONO.

ERA SÓ PRA DAR O TROCO.


Este site contém contos eroticos, fotos e videos destinados exclusivamente ao público adulto.
Ao acessá-lo, você declara que tem no mínimo 18 anos de idade e que no país onde você esta acessando esse conteúdo não é proibido.
© 2005-2021 - CasaDosContos.com - Todos os direitos reservados