Logo casa dos contos
Esqueceu a sua senha? Clique Aqui

Principal Categorias Ultimos Contos Melhores Enviar Contos Painel Cadastro Fale conosco
Categorias Ultimos Contos Melhores Enviar Contos Painel Cadastro Fale conosco Login

O segurança do trabalho

Por: Diniz - Categoria: Cornos-Cuckold

Eu tenho 1.75 de altura, branco, malhado, cabelos lisos, um pau mediando! 19cm não muito grosso nem muito fino.
Ela tem 1.65 de altura, branca, magra, seios pequenos e bunda grande com pernas bem torneadas, cabelos loiros e compridos.
Uma bocetinha linda, clítoris um pouco avantajado e branquinho, sua boceta e pequena, lisa, cheirosa e rosinha.
Como sempre, evito falar nomes aqui! Sempre me refiro ela ou minha esposa.

Vou relatar uma aventura maravilhosa que fizemos em uma confraternização de uma grande rede de materiais para construção que minha esposa presta serviços.
Minha esposa e arquiteta e presta serviço para uma grande rede de lojas da construção civil, ela trabalha na loja todos os dias na parte da manhã.
Ela sempre comentou que havia um segurança lá que ela achava muito bonito, moreno, alto, forte e de um sorriso bonito, mas ela não dava muita intimidade para não desrespeitarem ela na loja já que ela era a única arquiteta que trabalhava lá.
Em maio de 2019 eles fizeram uma confraternização de aniversário da loja e convidaram todos os colaboradores e os mesmos poderiam levar mais uma pessoa.
Minha esposa me chamou claro rs ela estava maravilhosa! Estava vestida com uma blusa vermelha que deixava um pouco a mostra sua barriga e uma saia longa branca e por baixo estava sem calcinha que segundo ela era para não deixar marca na saia rs a safada estava muito atraente.
Fomos para a confraternização de Uber pois iríamos beber e estava tendo blitz na cidade, chegamos no local da confraternização que era em um espaço de eventos bem glamuroso, sentamos em uma mesa e logo minha esposa começou a andar comprimentando os colegas de trabalho e eu fiquei na mesa mais perdido que sego em tiroteio rsrs.
Chegou aquele momento chato onde os donos falam meio mundo de besteira rs após isso liberaram a comédia e bebidas dei graças rs então comecei a beber porque aquilo estava muito chato mas eu tinha que acompanhar minha esposa.
Já devia ter mais ou menos umas 2 horas que estávamos lá chegou até nossa mesa o moreno que minha esposa sempre falava, super educado e cheiroso rs ow nego cheiroso da porra.
Ele nos comprimentou e falou algumas coisas que não dei muita atenção, minha esposa chamou ele para se sentar conosco e ele disse que estava com a esposa e que iria chamar ela para se sentar conosco, quando ele saiu minha esposa disse, “esse é o roberto segurança que eu te falo!” Eu respondi brincando “nossa até eu quero dar pra ele!” Sorrimos e ela disse, “eu só não sabia que ele era casado, mas eu queria ele!” Sorrimos novamente e Roberto se aproximou com sua esposa que era muito bonita por sinal! Uma mulher parda bem bonita de rosto e um pouco gordinha mas muito bonita mesmo.
Ficamos na mesa conversando e bebendo até mais ou menos umas 3 da manhã, a esposa de Roberto já queria ir embora e decidimos todos irmos embora, nos despedimos deles e fomos para fora esperar nosso Uber, Roberto e esposa passaram pela porta e nós viram aguardando o carro e perguntaram se não queríamos uma carona! Aceitamos pois o Uber estava praticamente sem motoristas disponíveis.
No caminho descobrimos que Roberto mora próximo de nós, na verdade no sentido que estávamos primeiro vem a casa dele e a nossa vem após uma 8km.
Ele então passou primeiro na casa dele para deixar a esposa que estava caindo de sono, quanto ele foi abrir a casa para a esposa dele a minha disse, “amor eu quero muito dar pra ele!” Eu perguntei, “mas como? Será que ele é fiel?” Minha esposa respondeu, “ele já me deu umas duas encoxada na loja” e o assunto morreu porque Roberto apareceu novamente para nos levar, minha esposa já sentou no banco da frente a safada rsrs ela estava coçando para dar. logo após Roberto foi nos levar, minha esposa disse, “sua esposa está bem Roberto?” Ele respondeu, “está sim! Ela só está sentindo cólica e sono.”
Minha esposa respondeu, “isso é normal de nos sentirmos rsrs” ficou um silêncio no carro por alguns minutos, e Roberto foi seguindo a estrada para nos deixar, no caminha avistamos uma placa de motel 24 horas na estrada e minha esposa mais que depressa disse, “Roberto entra aí nesse motel?” Roberto olhou com uma cara de pasmo com o que minha esposa acabava de falar, e disse, “como é?” Minha esposa pegou na mão dele e levou até sua bocetinha que ela já avia subido a saia até revelar aquela bocetinha branquinha e colocando a mão dele em sua pepeca disse, “não quer comer uma bocetinha diferente?” Roberto ainda meio sem saber o que fazer apenas entrou na estrada do motel e perguntou, “vocês realmente querem isso?” Minha esposa já estava com dois dedos dentro da bocetinha apenas tirou eles e levou na boca de Roberto e disse, “vai recusar ou vai entrar aí?” Roberto seguiu até o portão do motel, chegando lá minha esposa saiu de onde estava, subiu no banco do Roberto e pós sua cabeça para fora até alcançar o interfone onde disse para a pessoa do interfone, “queremos um quarto bem grande ótimo para fazer uma suruba!” Então a pessoa do interfone mandou irmos para o conjunto 615 e assim fizemos.
Chegando lá era um puta apartamento, taticamente uma casa rs tinha um quarto gigante, uma cama super grande, uma banheira com hidromassagem é uma piscina com cadeira de sol e guarda sol rs era muito grande mesmo.
Minha esposa já foi chegando e tirando a saia longa dela, jogou Roberto numa cadeira de Praia e já foi tirando sua calça, ela estava sedenta! Arrancou a calça com cueca e tudo de Roberto e já veio beijando as pernas dele até chegar em seu mastro que não era um grande pau negro mas mesmo assim ainda era um grande pau rs ela já havia dada para paus maiores mas aquele ainda assim era grande e negro como ela gosta.
Ela chupava majestosamente, passando a língua por toda extensão daquela tora negra, ela olhava para ele com cara de puta sedenta, chupava e gemia com muita vontade, colocava o pau todo na boca e tirava e Roberto se contraia de tezão,
Eu apenas sentado ao lado vendo tudo e me masturbando.
Minha esposa deu uma bela de uma cuspida na mão e lambuzou todo o pau de Roberto, subiu em Roberto posicionando sua boceta branquinha na cabeça da rola, deu um beijo bem quente em Roberto e dissecou uma voz bem abafada, “quer me comer safado?” Roberto respondeu, “nossa quero muito te foder gostosa!” Minha esposa respondeu, “então me fode bem gostoso!” Em seguida ela sentou no pau de Roberto e aquela tora sumiu toda para dentro dela, ela subia rebolando e devia rebolando e gemendo, Roberto abria a bunda da minha esposa com as duas mãos enquanto ela subia e descia no pau dele.
Sua bucetinha começou a babar um liquido branco, minha esposa gemia muito, ela então alimento a velocidade em que quicava no pau de Roberto! Eles ficaram nesse vai e vem por alguns minutos até Roberto por ela de quatro.
Minha esposa agora estava de quatro para aquela rola preta abrir ela no meio, Roberto sem muito cerimônia já foi metendo sua rola grande na bocetinha da minha esposa, ele estava com um ritino acelerado de estocadas arrancando muitos gritos e gemidos da minha esposa. Eles ficaram por mais alguns minutos e minha esposa então chamou ele para a cama e disse, “quero te dar na cama agora negao gostoso!” Fomos para a cama, chegando ela mandou o Roberto deitar e já subiu e ficou de frente para mim e disse, “olha amor a bocetinha da sua esposas em outro pau!” E sentou na rola de Roberto, ela sentava até onde aguentava e tirava o pau de dentro e sentava novamente e assim sucessivamente. Que cena linda, aquela bucetinha branquinha que já estava vermelha de tanta paulada subindo e descendo aquela tora, ela estava com uns cabelinhos na boceta na parte de cima e a bocetinha em si depiladinha.
Minha esposa é muito gostosa nossa!
Aquela rola do Roberto parecia que iria virar do avesso a bocetinha da minha esposa, eles ficaram assim por uns 15 minutos então Roberto não aguentou mais e disse que iria gozar, ele lamentou as estocadas é minha esposa a gemer, ele bombava forte em minha esposa e ela gemia muito até que Roberto da um grande urro e goza gostoso na bocetinha da minha esposa, ela sente aquele jato de porra quente inundando a bocetinha dela e se contorce toda gozando também, eu estava vendo tudo de pertinho e me masturbando fui rapidamente até a boca da minha esposa e mandei ela abrir, ela abriu a sua você é eu explodi de tezao gozando muito em sua boca. Foi a primeira vez que transamos com alguém e eu não comi minha esposa.
Estava com muito tezao e satisfeito com nossa aventura, minha esposa ainda estava com o aí de Roberto dentro dela engoliu minha porra e disse, “eu quero mais!” Roberto tirando o meu da minha esposa e deitou na cama fatigado disse, “eu queria muito, mas se eu demorar mais minha esposa vai desconfiar!” Minha esposa disse, “ótima, larga dela pq estamos doido para termos um negão na nossa relação.” Roberto sorriu e disse que não poderia demorar mais, tomamos um banho, transamos rapidinho durante o banho e fomos embora, Roberto nos deixou em casa virou o carro e foi embora, após isso Roberto assou alguns dias sem falar com minha esposa no trabalho, até que um certo dia ele falou com minha esposa que tinha se arrependido do que fez, que ficou com a consciência pesada e etc…
mas ele confessou que desde aquele dia ele não conseguia mais parar de pensar na minha esposa e que pensou até em separar, mas que ele tinha certeza só de uma coisa, que queria fazer novamente sexo conosco. Rsrs
Fizemos mais 3 vezes sexo com Roberto, mas estava tomando um caminho que não deveria tomar então achamos melhor parar de ficar com ele para evitar problemas futuros pois ele estava apaixonado em minha esposa.


Comentarios

Nossa amigo, essa tua esposa é um tesão e pelo jeito muito gostosa, hem? Mande umas fotos dela pro meu e-mail, por favor... Abçs, GRC***

Por:GRC em 13/02/2020 10:20

Nossa que delícia de conto,fico exitado quando leio,doido por uma putinha por perto pra fazer aquele amor gostoso que eu tenho certeza que faço.....

Por:oliveira10 em 13/02/2020 01:45
Comente esse conto abaixo

(Numero maximo de caracteres: 400) Você tem caracteres restantes.

Desejo registrar meu voto junto com o meu comentario:


Ficha do conto

foto avatar usuario Diniz
Por: Diniz
Codigo do conto: 17916
Votos: 3
Categoria: Cornos-Cuckold
Publicado em: 12/02/2020

×

OPS! Para votar nesse conto voce precisa efetuar o login


Fotos do conto
Foto 1 do conto: O segurança do trabalho

Foto 2 do conto: O segurança do trabalho

Foto 3 do conto: O segurança do trabalho

Foto 4 do conto: O segurança do trabalho

Foto 5 do conto: O segurança do trabalho

Foto 6 do conto: O segurança do trabalho

Mais contos desse usuario

Início

Corno pela segunda vez

Ano novo mais que perfeito

A fazenda inesquecível

O negão de salvador

A Negra linda de fortaleza


Este site contém contos eroticos, fotos e videos destinados exclusivamente ao público adulto.
Ao acessá-lo, você declara que tem no mínimo 18 anos de idade e que no país onde você esta acessando esse conteúdo não é proibido.
© 2005-2020 - CasaDosContos.com - Todos os direitos reservados