Logo casa dos contos
Esqueceu a sua senha? Clique Aqui

Principal Categorias Ultimos Contos Melhores Enviar Contos Painel Cadastro Fale conosco
Categorias Ultimos Contos Melhores Enviar Contos Painel Cadastro Fale conosco Login

Minha Personagem

Por: kaosklp - Categoria: Exibicionismo

        Eu a conheci em um aplicativo de celular, foi apenas uma pergunta singela e um pouco boba, de fato acreditei que não iria ter respostas, mas acabei me surpreendendo, a responsa dela foi que sim, poderiamos conversar.ela respondeu minha dúvida, ela me contou sobre seus belos cabelos vermelhos cacheados, e eu insistente como sou decidi testar minha sorte aquela noite mais uma vez, pedi o numero dela e mais uma vez a sorte sorriu pra mim.
        Conversamos pouco sobre nossas vidas, a hora já estava um pouco adiantada, mas foi o suficiente pra ela me ouvir e entender o que eu procurava, disse a ela que adoraria ter um personagem com a fisionomia dela, pois eu gostava de escrever e colocar meus desejos no papel.
        A reação que tive, foi totalmente inesperada, ela respondeu com um pequeno vídeo de 0:03 segundos, sorrindo pra mim.. Meu coração acelerou e minha boca salivou de desejo, não só pela beleza, mas por ela de alguma forma, mesmo com pouca conversa conseguir saciar um pouco da minha vontade, assisti o vídeo diversas vezes, queria pegar cada detalhe, me perdi algumas vezes naquele sorriso, naqueles óculos brancos, aquela linda camiseta de alien, confesso que senti um desejo repentino vendo aquela mulher e isso me incentivou a conversar mais ainda com ela.
        Os dias foram passando e conversamos mais, sobre a vida, e coisas casuais, tomei a liberdade de chama-la pra sair, no inicio ela ficou meio receosa, desconversou um pouco, mas no final resolveu aceitar meu pedido, marcamos o local, horario e nos custava apenas esperar.
        E derrepente a dama dos cabelos vermelhos chegou, ela estava vestida, com uma blusa vermelha, sem alças, mostrando um pouco da sua barriga, ela tinha uma pele suave, estava usando um short jeans curto preto e uma sapatilha preta, como ela havia descrito, era menor que eu, sua boca estava com um batom tom de rosa, e seus olhos estavam cobertos pelos óculos de sol, a blusa deixava revelar alguns detalhes dos seus seios, eram médios, com aparência firme.
        Pedimos uma mesa, e logo vieram atender nosso pedido, eu pedi um milkshake de chocolate belga, meu favorito, ela pediu um sorvete de Morango em alguns pontos da nossa conversa ela conseguia ver alguns traços de nervosismo da minha parte, timidez talvez? quem sabe, meu eu estava feliz por estar ali com ela, nossa tarde foi maravilhosa, porem ela me disse que tinha que ir, pois tinha um compromisso. me coloquei a disposição para leva-la, mas ela recusou o convite, mas aceitou uma carona até o metro mais proximo, nos despedimos com um beijo no rosto, seu perfume Coffe, perto do pescoço atiçava minha mente
        Confesso que até aquele momento eu não tinha desejos tão fortes, mas aquela despedida me instigou. Alguns dias se passaram, continuamos a trocar mensagens pelo celular, até que fiz o convite, sobre ela ser minha personagem para a minha história, ela aceitou então marcamos uma bela manhã, tomamos café juntos conversamos, até que ela entrou no meu carro e fomos em direção a minha casa, ofereci a ela uma taça de vinho, para tirar um pouco o nervoso que ela estava, eu a abraçei e a convidei para ir ao meu quarto.
Decidimos nos deitar, e começamos a conversar, e fomos nos aproximando cada vez mais sentíamos o calor do corpo um do outro de uma forma intensa e animadora.
        A conversa foi evoluindo e foi se tornando algo mais intimo, propositalmente eu decidi tocar no assunto sobre massagem corporal, e que o clima estava ótimo para se iniciar uma, então com um sinal positivo ela me disse para fazer, confesso que fingi estar surpreso, era realmente aquilo que eu desejava eu estava me sentindo atraído cada vez mais por aqueles lábios, ela estava com um batom cor vinho, combinava com o belo tom de sua pele.
        Decidi tomar a iniciativa e a beija-la, e foi respondido com bastante vontade. Eu levemente fui tirando a regata que ela estava, e isso me revelou seu lindo sutiã branco, tirei seu jeans, e sua calcinha rendada deixava sua bunda bem evidente, com detalhes ela parecia saber que o simples me atraia, ela também retirou minha blusa, da posicionei sobre a cama e continuamos com tomei a liberdade de ir tirando aos poucos o sutiã dela, desabotoando e tirando aquelas alças. Suas costas lindas apareceram para mim, levantei e fui buscar um óleo corporal, aqueles térmicos eu estava na intenção de algo a mais e queria sutilmente deixar aquilo fixado.
        Como sempre fui metódico segui todos os procedimentos de uma massagem, passei cremes nas minhas mãos e óleo no corpo dela minhas mãos quentes, toquei suas costas e massageei calmamente, tocando leve a lateral dos seus seios, fui tocando seu corpo ela estava seminua deitada sobre minha disposição, continuei a massagem pelas costas e fui descendo sobre sua coxa, propositalmente eu passava meus dedos sobre a sua virilha, olhava suas costas e sentia uma mudança de respiração.
        Aquele quarto com baixa iluminação, colaborava com a ocasião, aos poucos fui finalizando a massagem nas costas, bunda e coxa, virei ela devagar com o olhar fixo, coloquei óleo sobre seus seios e comecei a massagear, os bicos começaram a ganhar volume mas eu não tirava o olhar dela meu polegar passava naqueles bicos e eu apertava ele entre meus dedos, fui chegando mais perto e a beijei novamente, eu sem camisa, aqueles seios passando no meu corpo, fui beijando seu pescoço, fui mordendo bem sutil, coloquei minha língua e comecei a sugar eles, ela se levantou tirei sua bela calcinha, e a deixei sentada sobre a cama.
        Não tive vergonha alguma em me ajoelhar em uma perna e abrir suas pernas devagar, aquela bucetinha depilada e molhada, coloquei meus dedos e comecei a masturba-la, ela dava leves contorcidas no corpo, colocava uma mão em seus seios e outra não parava de masturbar, aqueles dedos molhados quando tirei, lambi meus dedos e me agradei do sabor, então por que não pegar direto da fonte? comecei a chupar, não é segredo algum que fazer sexo oral é um dos meus maiores desejos, eu estava adorando e a chupava com vontade, passava a língua sobre seu clitóris, e ia acariciando e oscilando entre masturbação e chupadas.
        Ela me surpreendeu, pegou minha mão e me colocou deitado na cama, eu estava excitado, estava ereto, ela subiu em mim, pegou óleo e colocou sobre meu pau, ela o massageava, suas mãos subiam e desciam, ela me punhetava de uma forma que nunca aconteceu comigo, pulsava e eu mesmo tão serio, não consegui esconder meus gemidos, ela parou de massagear e começou a me chupar também, não queria que ela fica-se com toda a diversão sozinha, pedi pra ela se virar, e começamos a fazer um delicioso "69", ela gozava na minha língua, não tem nada que explique isso.
        Apos essa deliciosa brincadeira, ela se sentou em cima do meu pau, e devagar fui colocando dentro dela, estava quente, molhada, ela rebolava, cima e baixo, pedi pra trocar de posição e ela ficou de quatro, aquela bunda linda não segurei os tapas, colocava e com essa posição conseguia colocar mais fundo ainda, senti ela atingindo o orgasmo e aproveitei e gozei junto com ela, fomos para o banho, continuamos com beijos e caricias, da mesma forma que tirei eu a ajudei a se vestir, e como um bom voyeur a observei novamente.
        Descemos e fomos tomar um café, eu tirei meu bloco de anotações da minha bolsa e comecei a escrever tudo que aconteceu naquela tarde, hoje te entrego uma copia, espero que você a cada linha e feche seus olhos e lembre-se de tudo que aconteceu, espero ter você como minha personagem mais vezes.

Comentarios
Seja o primeiro a fazer um comentario nesse conto.
Comente esse conto abaixo

(Numero maximo de caracteres: 400) Você tem caracteres restantes.

Desejo registrar meu voto junto com o meu comentario:


Ficha do conto

foto avatar usuario kaosklp
Por: kaosklp
Codigo do conto: 15598
Votos: 0
Categoria: Exibicionismo
Publicado em: 10/01/2019

×

OPS! Para votar nesse conto voce precisa efetuar o login


Este site contém contos eroticos, fotos e videos destinados exclusivamente ao público adulto.
Ao acessá-lo, você declara que tem no mínimo 18 anos de idade e que no país onde você esta acessando esse conteúdo não é proibido.
© 2005-2019 - CasaDosContos.com - Todos os direitos reservados