FUDENDO LOUCAMENTE COM MINHA IRMÃ.


BY: bijulie
Tinha eu 13 e ela 14..Nossa casa era grande,bem espaçosa,um quarto para cada filho,tudo aquilo fruto do trabalho dos meus pais,que trabalhavam todos os dias,em quanto ficávamos ou na escola ou em casa.Nossa rotina era bem simples,chegar em casa,almoçar,lavar a louça,fazer a lição e depois tínhamos o tempo livre.Normalmente íamos cada um pro seu quarto.Tinhamos apenas um computador,então eu tinha de ir ao quarto dela para pegar,quando desse meu horário.Aguardava bastante naquele dia,a chegada do meu horário,pois havia saído o novo capitulo da minha série favorita.Quando deu meu horário,fui me aproximando do quarto da minha irmã,escuto pequenos gemidos,e vou me aproximando devagar,havia um vão na porta,e olhei ele.O computador estava na comoda,e ela estava lá,deita na cama,apenas de sutiã,sem calcinha deitada,com as pernas abertas,e enfiando os dedos na bucetinha dela.Meu pau,subiu na hora,e eu sem bater na porta,abri e entrei no quarto.ela me olhou,e viu o volume na minha calça,ficou ali parada,com as pernas abertas,olhando para mim,sem graça..Me jogo na cama,na direção da bucetinha dela,e começo a chupar divagar,e a enfiar meus dedos nela.Ela geme igual a uma putinha,e logo tem seu primeiro orgasmo.Então,me levanto,desabotoo minha calça,e a abaixo.Meu pau saltou da calça,e ela logo começou a me masturbar,e eu em um movimento brusco e rápido,pego a cabeça dela,e coloco pra frente,e ela abocanha meu pau,então ela começa a chupá-lo,desde o começo até o fim da cabeça,cada vez mais o movimento fica mais rápido,e eu gozo bem na boquinha dela.jogo,ela na cama,e abro suas pernas,ela implora pra que eu meta meu pau nela..Então começo lentamente a meter naquela bucetinha,e depois de algum tempo rapidamente.Ela não parava de gemer,e falar pra eu meter mais,,Levanto ela e mudamos de posição,ela senta no meu pau desta vez.Em quanto ela cavalgava no meu pau,dizia   coisas obscenas no meu ouvido,fazendo eu encher aquela bucetinha dela de porra.Mando ela se virar,e ela em um movimento rápido,vira e empina a bunda para mim,e diz:"Arromba esse cuzinho seu gostoso",ela implora para que eu foda ela,e arrombe o cuzinho dela,então em um só movimento,eu meto meu pau inteiro na bunda dela,e ela da um grito de dor.
Ela começa a deslizar no meu pau,geme,cada vez mas,e em quanto eu como o cu dela,ela se masturba loucamente.Logo tem um orgasmo e pede para eu parar,e ficar em sima dela.Começo aos poucos a chupar os peitos dela,não muito grandes,mais bem gostosos,e com minha mão abaixo,masturbo ela.Ficamos fudendo durante horas,até o papai e a mamãe chegarem.
Na mesa do jantar,o que não faltava,era a troca de olhares malicioso entre nós dois.Ela ainda molhadinha da nossa foda,logo terminou de comer,e pediu que eu fosse ao quarto dela para pegar o computador dela.Quando chego lá,ela vem ao meu ouvido e pergunta "Vamos repetir a doze amanhã?"...





Seja o primeiro a fazer um comentario nesse conto.
Comente esse conto abaixo

(Numero maximo de caracteres: 400) Você tem caracteres restantes.

Desejo registrar meu vonto junto com o meu comentario:

 


Próximo Conto

Minha Mãe só queria na Bunda