PM no Almoço


BY: andre
Meu nome é Andre, tenho 27 anos, cabelos e olhos castanhos, sou casado, 1,75, 17 de pau. Sou um cara bonito, simpático e bastante culto. Moro em BH. Sou formado em Marketing. Enfim, o caso que aconteceu se deu no final do mês que acabou e confesso fiquei completamente alucinado....Sempre tive maior tara por militares, policiais, seguranças, enfim,m por farda em geral. Estava eu no meu horário de almoço, voltando para o meu trabalho, quando de repente vejo um PM pegando informação em um banca de revista próximo ao meu serviço. Confesso na hora gelei, pois PM sempre me deixa doido. Caminhei ate a mesma banca e dei uma secada de cima em baixo no PM, que percebendo meus olhares, deu uma pegada dispistada no pau, que mesmo mole, fazia um enorme volume sobre a calça colada ao seu corpo....Logo após, ele saiu andando e eu comecei a caminhar atrás, ele reduziu o passo e eu o alcancei...andavamos lado a lado, sem trocar uma palavra, apenas apertando levemente o pau. Meu cacete estava em ponto de bala, mas como uso terno, estava dando pra disfarçar legal, porém ele não....começamos aquela conversa boba, falando de amenidades, e como trabalho próximo e estava com a chave do carro no bolso, fui caminhando em direção a meu carro, e ele também...chegando no carro, perguntei para onde ele estava indo, e ele deu uma pegada forte no pau, e disse que pra qualquer lugar estaria bom....O cara era muito bonito. Deveria ter em torno de 1,80, forte, com o uniforme colado ao corpo...e que corpo...cara de macho mesmo, homem....Entramos no carro, e sem perder tempo, me dirigi a um local afastado e paramos o carro...nesse momento, o cara bota a mao no meu pau e tira pra fora, e cai de boca...nunca imaginei, um PM, macho, forte e com a boca toda engolindo meu pau....fiquei louco, vi que ali não ia dar para relizar toda minha fantasia com aquele Deus....e o chamei para ir a um motel, o que de imediato ele topou...fomos e entramos na maior cara de pau, pedimos um quarto, e quando percebi, ele estava, fardado, abaixado a minha frente, eu ainda de terno, e ele chupando e gemendo....fomos nos despindo numa rapidez louca, e quando vi a caceta que ele tinha, não acreditei que aquilo tudo seria meu....pedia a ele para ficar somente de coturno....enlouqueci....o cara peladaço, com um cacete e uma bunda maravilhosa, de coturno, mamando no meu pau....ele se virou de uma vez e pediu para eu enfiar meu cacete nele, pois queria ser meu escravo, sentir minha tora enfiar no seu cuzinho....metia muito, com muita força e o cara gemendo igual a uma puta, pedindo para eu meter, comer ele com força, que ele queria gozar sem tocar no pau....sempre ouvi histórias como estas, mas pra mim era a mais pura invençao...quando menos imaginei, o cara gemia e gozava feito louco, porra pra caralho, com aquela cena, tirei meu pau do cu do cara e comecei a gozar na boca dele, que mamava feito um bezerro louco....Quando menos espero, o PM, todo gozado, de coturno, me pede pra mijar nele...Já tinha visto em filmes mas nunca dei ideia...cara, pra mim foi a loucura total...mijei no cara, na cara dele, no peito e ele de boca aberta tentando abocanhar todo meu mijo....foi demais. Foi a melhor trepada da minha vida....

Depois disso tomamos banho e ainda rolou uma chupação boa. Ele vestiu sua farda e fez eu me ajoelhar na sua frente até faze-lo gozar. Aquela sensação de estar sendo dominado por um fardado dfoi loucura total....Depois disso nunca mais nos vimos, mas foi ótima a intenção....Quem tiver a fim de manter contato, me escreva, se for militar, melhor ainda.

Abraços, Andre.



Seja o primeiro a fazer um comentario nesse conto.
Comente esse conto abaixo

(Numero maximo de caracteres: 400) Você tem caracteres restantes.

Desejo registrar meu vonto junto com o meu comentario:

 


Próximo Conto

Dei em um vôo da TAM