O PEÃO JOAQUIM ME ARROMBOU


BY: betoleandro
OBA ESTOU RADIANTE, FINALMENTE AS FERIA CHEGARAM, VOU PARA A FAZENDA DO VOVÔ RUI, QUERO APROVEITAR CADA MINUTO NOS BRAÇOS DO TIO RUBENS, PARA QUEM NÃO AINDA NÃO ME CONHECE ME CHAMO JOANA, SOU BRANCA, TENHO 21 ANOS, 1.55 CM 48 KILOS, NO CONTO ANTERIOR ME ENTREGUEI AO MEU TIO, POIS ESTAVA SEDENTA POR SEXO, FIQUEI VICIADA EM CACETES GRANDES DESDE QUE FODI COM MEU AVO, O COROA TEM UM COBRA JIBÓIA ENTRE AS PERNAS, PELO TAMANHO SO DE VÊ DAR MEDO, MAIS MEU TIO LHE SUPERA, NUNCA PENSEI QUE HUM HOMEM PUDESSE TER UM CARALHO TÃO AVANTAJADO, POIS DEPOIS , DEPOIS DE TER FICADO COM MEU TIO A TARDE INTEIRA GOZANDO EM SEU CACETÃO, VIEMOS PARA A CIDADE, AO CHEGAR EM CASA MINHA MÃE ATE PERCEBEU MINHA EXPRESSÃO DE FELIDIDADES, ATE PERGUNTOU, QUE FOI JOANA, GANHOU NA LOTERIA, POIS VOCE ESTA COM UM SORRISO ESTAMPADO NO ROSTO, NADA NÃO MÃE, É QUE ME DIVERTI BASTANTE NA FAZENDA, ACHO QUE ISSO ME FEZ BEM, MAIS VOLTANDO AS MINHAS FERIAS, PEDI A MAMÃE PARA FICAR NA FAZENDA UMA SEMANA, ELA PERGUNTOU PORQUE ESTE INTERESSE, FALEI QUE PRECISO COLOCAR UNS TRABALHOS DA FACULDADE EM DIA, E LÁ A TRANQUILIDADE VAI ME AJUDAR, QUERO FICAR LONGE DAS BALADAS ATE CONCLUIR OS TRABALHOS DE MESTRADO, ELA FALOU POR MIM TUDO BEM, AI PERGUNTOU PARA MEU TIO RUBENS, E AI IRMÃO, O QUE VOCE ACHA, ELA NÃO VAI ATRAPALHAR EM NADA POR LÁ, ELE ENTÃO LHE FALA, POR MIM ESTA TUDO BEM, ATE VAI SER LEGAL, POIS AQUELA FAZENDA ANDA MUITO VAZIA, COM PAI AQUI SE TRATANDO, ENTÃO AGRADECI PARA MAMÃE E FALEI PARA MEU TIO, AMANHÃ VOLTO COM VOCE,FUI PREPARAR MINHA BAGAGEM, PRECISAVA LEVAR ALGUMAS ROUPAS E INCLUSIVE DE BANHO, POIS TEMOS UMA CACHOEIRA NO RIO QUE É UMA DELICIA, NO DIA SEGUINTE SEGUI PARA A FAZENDA COM MEU TIO, NA ESTRADA ELE ME FALA, VOCE NÃO PERDI TEMPO HEIM, PELO VISTO GOSTOU DO TITIO, , SE GOSTEI LHE RESPONDI, COLOCANDO MINHA MÃO SOBRE SEU PAU, DEI UMA APERTADA NELE, MEU TIO QUASE PERDI O RUMO DA ESTRADA, CALMA JOANA, DEIXA A GENTI CHEGAR EM CASA, NÃO ,PODEMOS SER VISTOS SE AGARRANDO, FIZ CARINHA DE DENGOSA E FALEI, QUERIA TANDO ME SENTAR ME SENTAR EM SEU PAU,, MINHAS PALAVRAS FIZERAM SEU PAU ENDURECER, A ESTENÇÃO IA ATE O JOELHO, ERA MAGUINIFICO ALIZAR SEU CACETÃO, COMO ERA DOMINGO TINHA POUCA GENTE TRABALHANDO, APENAS O JOAQUIM E OUTRO RAPAZ, MEU TIO FALOU QUE ELES PODIAM SE RECOLHER, JA QUE ERA DOMINGO DIA DE DESCANÇOS, O JOAQUIM AGRADECEU E FOI SAINDO, MAIS PERCEBI DE QUE ELE ME DEU UMA OLHADA DE CIMA A BAIXO, EU USAVA UMA SAINHA CURTA, QUE DEIXAVA COXAS EXPOSTAS BEM ACIMA DO JOELHO, ELE DEU UM SORRISO E SAIU, PERCEBI DE QUE ELE PRESENTIU ALGO ENTRE EU E MEU TIO, ENTRAMOS EM CASA QUASE CORRENDO, SEGUI NA FRENTE EM DIREÇÃO AO QUARTO, ME JOGUEI NA CAMA, JOGANDO MINHAS COISAS NO CHÃO, MEU TIO CHEGOU JA TIRANDO A ROUPA, AI ME DISSE AGORA VOCE PODE FAZER O QUE QUISER MINHA PEQUENA, E ASSIM QUE ELE GOSTA DE ME CHAMAR, NOSSO COMO ELE E TARADO, SEU PAU JA ESTAVA DURO, BALANÇAVA APONTADO PARA MIM, ARRANQUEI A BLUSA, , MEU TIO FOI SUBINDO NA CAMA, VINDO DIRETO BEIJAR MEUS PEITINHO,, AO SE CURVAR SOBRE MIM SEU CACETÃO FICOU ENTRE MINHAS COXAS, ENCOSTOU SOBRE A CALÇINHA PRECIONANDO COMO SE FOSSE ENTRAR, DEI UM GRITINHO, UIIIIII, VOCE ME ENLOUQUEÇE TIO, SEU CACETÃO JA QUER SE ESCONDER DENTRO DA MINHA BUCETINHA, TIRA MINHA CALÇINHA, VAI, NÃO ME FAZ ESPERAR, MINHA BUCETA JA DEVE ESTA TODA MOLHADA, DESDE QUE PEGUEI EM SEU PÁU NA ESTRADA, ELE ME FALOU, FICA COM ELA, HOJE VOU TE COMER COM ROUPA E TUDO, FICA DE QUATRO, AI ME VIREI, COLOQUEI A CABEÇA NO TRAVESSEIRO, ELE ALIZOU MINHA BUNDA, MINHA SAIA CURTA TINHA SUBIDO ME DEIXANDO TODA ESPOSTA, ALIZOU MINHA BUCETA SOBRE A CALÇINHA, GENTI, HAANNNNNN, NÃO DEMORA VEM, VEM, QUERO VOCE DENTRO MIM, ELE CONTINUA ME BOLINANDO, DE REPENTE ELE AFASTOU MINHA CALÇINHA E ENFIOU DOIS DEDOS , QUASE DESFALECI DE PRAZER, EMPURREI MINHA BUNDA PARA TRAZ, QUERIA MANTERSEUS DEDOS ENFIADOS, AAIIIIIIIIIIIIIIII TIO, SEUS DEDOS PARECEM UMA PICA DENTRO DE MIM, TA GOSTANDO NÉ MINHA PEQUENA, VOU TE DAR ALGO MELHOR, AI TREMI, SABIA DE QUE ELE IA ENFIAR SEU CACETÃO, OLHEI PARA TRAZ, ELE SEGURAVAVA SEU CAETÃO PUNHETANDO, GUIOU PARA MINHA BUCETA, AI SENTI SUA CABEÇONA ENCAIXAR, DE TÃO MOLHADA QUE ESTAVA, FOI ENTRANDO, ENTRANDO, PARECIA QUE NUNCA IA TERMINAR DE ADENTRAR
DAI ELE SEGUROU EM MEU QUADRIL E ME PUXOU COM FORÇA, SENTI MINHA VISTA ESCURECER, SENTI SEUS CULHOES ENCOSTAR EM MINHA BUCETA, TENTEI ME SOLTAR MAIS FOI EM VÃO, ELE ESTAVA AGARRADO A MIM, JOGUEI AS PERNAS PRA TRAZ, TENTANDO EMPURRAR ELE PARA ME LIVRAR DO SEU CACETÃO, POR MAIS QUE EU O DESEJASSE, FOI DEMAIS, SENTI QUE ALGO ARDIA DENTRO MIM, O PRAZER INICIAL AGORA EU JA NÃO SENTIA, ELE ESTAVA ME MACHUCANDO, GRITEI TIRA TIO, TIRA TIO, NÃO FAZ ISSO, NÃO ,NÃO AIIIIIIIIIIII, AAIIIIIIIIIIIIIIIIIIII, PARA, PARA, NÃO AGUANTO, TA DOENDO, TA DOENTA, UUIIIIIIIIIII, OOIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII, AI MEU DEUS, ELE ENTÃO ME FALA, RELACHA, ESTA TUDO DENTRO, AGUENTA SO UM POUQUINHO, VAI PASSAR, VAI PASSAR, FICOU SEM SE MOVER, SEU CACETÃO ESTAVA TOPADO NO MEU UTERO, SENTIA SEUS PENTELHOS ENCOSTADOS NOS MEUS, TENTEI ME DEITAR MAIS ELE ME SUSTENTAVA, SEU CACETÃO ATOLADO EM MINHA BUCETA ME MANTINHA SUSPENSA, FUI RELACHANDO ATE QUE A DOR FOI PASSANDO, FALEI MALVADO, VOCE NÃO TEM PENA DE MIM, HO MINHA PEQUENA FALOU ELE, IMAGINEI DE QUE VOCE QUERIA ELE INTEIRINHO DENTRO DE VOCE, AGORA APROVEITA, LHE TUDO QUE TINHA, NISSO ELE COMESSA A SE MOVER BEM DEVAGARINHO, SEU CACETÃO CONTINUAVA ENTERRADO, COLOQUEI A MÃO PARA TRAZ PARADEDILHAR MEU CLITORI, TOQUEI EM SEU CACETE, NÃO TINHA NADA DE FORA, ELE SE MOVIA, TIRANDO POUQUINHO DE DENTRO DE MIM, SEU VOVIMENTOS FORAM ALMENTADO BEM CADENCIADO, AGORA TIRAVA MAIS, DEPOIS ENTERAAVA ATE TOPAR SUA BARRIGA EM MINHA BUNDA, COMESSEI A ACOMPANHAR SEUS MOVIMENTO, TENTANDO REBOLAR, ELE ME EMPURRAVA E ME PUCHAVA, COMESSEI A SOLTAR GEMIDINHOS , HANNNNNNN, HANNNNNNN, SEGUREI NO ESPELHO DA CAMA, GRITEI, AI TIO, AI TIO VOU GOZAR, VOU GOZAR, , QUE BOM, QUE BOM ELE AGORA SOCAVA FORTE, SEU CACETÃO SAIA QUASE TODO DEPOIS VOLTAVA A ENFIAR, GRITEI GOZA COMIGO TIO, GOZA, GOZA EU ESTAVA SUSPENSA NO AR COM ELE SEGURANDO EM MINHA BARRIGA, DEIXEI MEU PESO SOBRE SEUS BRAÇOS, COMESSEI A GOZAR INTENSSAMENTE, GRITAVA DESESPERADA, OOIIIIIIIIIIIIIIIIIIII, OOIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII, ELE FOI DIMUINDO SEUS MOVIMENTOS, DEIXOU SEU CACETÃO ENTERRADO ATE O TALO, AI FOI ME SOLTANDO ATE QUE ENCOSTEI NO COLCHÃO, DEIXOU SEU CORPO ARRIAR, FICANDO DEITADO SOBRE EU, COMESSOU A BEIJAR MEU PESCOÇO, SEU HALITO QUENTE E SUA RESPIRAÇÃO FORTE ME DAVA PRAZER, EMU TIO SABE COMO FAZER UMA MULHER SE SENTIR FEMEA, DEPOIS DE ALGUM TEMPO FOI SAINDO DE SIMA DE MIM, SEU PAU FOI SAINDO JUNTO COMO UM DRENO QUE TIRAMOS DO CORPO, SO ENTÃO ME FALOU, MINHA PEQUENA NÃO CONSIGO ENTENDER COMO UM CORPINHO TÃO FRANSINO CONSEGUE AGASALHAR MEU CACETE, POSSO DIZER QUE VOCE TEM NA VERDADE UM TUNEL NA BUCETA, SE EU SEI QUE VOCE ERA ASSIM JA TINHA TE FODIDO HA MAIS TEMPO, AS PUNHETAS QUE BATI PARA VOCE, NÃO FOI EM VÃO, LHE FALEI VOCE BATIA PUNHETA PENSANDO EM MIM, E NAS OUTRAS MENINAS TAMBEM VOCE PENSAVA, QUE MENINAS PERGUNTOU, FALEI, CARMEM, MAGDA, KELIANE, SUMIKO, PORQUE PERGUNTA, PORQUE FOI ELAS QUE ME FALARAM SOBRE VOCE E SEU CACETÃO, ELE DEU UMA RISADAS, MULHERES, NÃO SABEM GUARDAR SEGREDOS,ME BEIJOU , DEPOIS ME FALOU, E ENTÃO ERA QUE VOCE QUERIA, NOSSA TIO NEM PERGUNTE, NUNCA PENSEI QUE FOSSE TÃO BOM FICAR CONTIGO, NOS LEVANTAMOS JA ESTAVA ANOITECENDO, ENTÃO FOMOS PROCURAR ALGO PARA COMER, DONA ROSA TINHA GUARDADO PARTE DO ALMOÇO NA GELADEIRA, ESQUENTAMOS E COMEMOS, NÃO DEMOROU MUITO O PEÃO JOAQUIM VEIO CHAMAR MEU TIO PARA INFORMAR DE QUE TINHA UM BOI CAIDO NA COCHEIRA, ACHAVA QUE TINHA SIDO MORDIDO POR COBRA, ELE SAIU AS PRESSAS INDO PARA O CURRAL, LOGO DEPOSI VOLTOU ME FALANDO QUE PRECISAVA IR EM CAMPINA GRANDE, NUM CLINICA BUSCAR SORO, POIS O ANINAL TINHA SIDO REALMENTE MORDIDO POR UMA JARARACA E PRECISAVA AGIR RAPIDO, LHE FALEI VOU CONTIGO, ELE DISSE NÃO FICA AQUI, FAZ COMPANHIA AO JOAQUIM A VIAGEM E LONGA, LIGOU PARA A CLINICA EXPLICOU O ACONTECIDO, ENTÃO INFORMOU DE QUE ESTAVA SAINDO NAQUELE MOMENTO, FIQUEI TRISTE PORQUE QUERIA CONTINUAR FUDENDO, MINHA BUCETINHA ESTAVA DESEJANDO SER ENTUPIDA DE ROLA NOVAMENTE, ME ABRAÇOU E SAIU, O JOAQUIM ENTÃO ME DISSE VOU PARA O CURRAL, VER COMO ESTA O ANIMAL, LHE FALEI VOU TAMBEM NÃO QUERO FICAR AQUI SOZINHA, CONTINUAVA USANDO A SAINHA CURTA E BLUSA SEM SUTIEN, SEGUIMOS PARA O CURRAL QUE NÃO FICA MUITO DISTANTE , CHEGANDO LA O BOI CONTINUAVA DEITADO SEU OLHO NÃO TINHA MUITO BRILHO, RESPIRAVA COM CERTA DIFICULDADE, NOS SENTAMOS NA COCHEIRA, E FICAMOS FALANDO SOBRE O ANIMAL, SO ENTÃO ELE ME FALA, DESCULPE MOÇA, NÃO ERA PARA TER DEIXADO A CANCELA ABERTA ONTEM QUANDO FAZIA A COBERTA DO CAVALO, NOTEI QUE VOCE SAIU QUASE CORRENDO DAQUI, ACHO QUE FICOU COM VERGONHA DE MIM ESTA AQUI, MAIS E ASSIM MESMO, JA ESTAMOS ACOSTUMADOS COM A LIDA DO CAMPO, AS VESES PRECISAMOS AJUDAR OS ANIMAS SE CRUZAREM, TEM PROBLEMA NÃO, A CULPA FOI MINHA VIR AQUI SEM AVISAR, NISSO UM VENTO MAIS FORTE SOPROU LEVANTANDO MINHA SAIA, DEIXANDO MINHA CALÇINHA AVISTA, TENTEI BAIXAR MAIS ELE JA TINHA VISTO, FIQUEI SEM GRAÇA, ELE ME FALOU, FIQUE ASSIM NÃO MOÇA, O QUE É BONITO E PRA SE MOSTRAR, VOCE ACHA PERGUNTEI, ELE DISSE MOÇA,VOCE É MUITO BONITA,
AQUI NÃO TEMOS NINGUEM COMO VOCE, POSSO ÇHE FALAR UMA COISA MOÇA, PODI SIM, RESPONDI, ONTEM VI QUE VOCE ESTAVA COM A MÃO ENTRE AS COXAS, OLHANDO PARA A COPULA DOS ANIMAIS, ESTAVA GOSTANDO DE VER NÃO ERA, NA VERDADE TAMBEM GOSTO DE OLHAR, FIQUEI PARALIZADA COM AS PALAVRAS DELE, AI ARRISQUEI E O QUE VOCE FAZ DEPOIS, ELE ME ENCAROU OLHANDO PARA AS MINHAS PERNAS E DISSE, PROCURO ME ALIVIAR NIGUEM E DE FERRO, GELEI, AQUELE PEÃO NÃO TINHA NADA BOBO, ENTÃO LHE DISSE, VOCE SAI DAQUI CORRENDO ENTÃO PARA ENCONTRAR SUA MULHER, COMO SERIA BOM SE EU TIVESSE MULHER, SOU SEPARADO MOÇA, TEM MULHER NÃO, ELE OLHA PARA O BOI E FALA, VEJA ELE ESTA SE MECHANDO, FUI PARA PERTO DO ANIMAL ME SEGURANDO NA CANCELA, POR SER BAIXINHA NÃO TINHA UMA VISÃO PLENA DO ANIMAL, ENTÃO SUBI NA CANCELA, ELE FICOU EM PÉ JUNTO DE MIM, NISSO MINHA SAIA SUBIU NOVAMENTE , MINHA BUNDA ESTAVA A ALTURA DA SUA CABEÇA, AI SIM ELE TEVE VISÃO PLENA DE MIM, TENTEI SEGURAR A SAIA, MEU PÉ ESCORREGOU QUANDO EU IA CAIR ELE ME ABRAÇOU PELAS COXAS, SUA MÃO ASPERA ME SEGUROU FIRME, FIQUEI SUSPENSA SEGUARADA POR ELE, PENSEI QUE ELE IA ME COLOCAR NO CHÃO MAIS NÃO O FEZ,, SUA MÃO ACARICIOU ENTRE MINHA COXAS, SENTI UM ARREPIO, PRENDI SUA MÃO EM MINHAS COXAS,ACHO QUE ISSO O ENCORAJOU, DEVE TER ENTENDIDO COMO UM CONVITE, SENTI SEU DEDO TOCAR MINHA BUCETA, ME ARREPIEI, FUI DIMINUINDO A PRESSÃO DE MINHAS COXAS, ELE SUBIU MAIS UM POUCO SUA, AGORA SEU DEDO BOLINAVA MINHA BUCETA, DEIXEI MEU CORPO IR ARRIANDO, ELE ME SEGUROU COM FORÇA, TIREI O PÉ DA CANCELA, ELE FOI ME ARRIANDO PARA O CHÃO, SEM ME SOLTAR, MINHA BUNDA DESLIZOU SOBRE SEU PAU, QUE PERCEBI DE QUE ESTA DURO PELA PRESSÃO QUE FEZ, ENTÃO ME FALA AO OUVIDO, DESDE ONTEM QUE ESTOU DOIDO POR VOCE, OUVI SEUS GRITOS, SABIA QUE FODIA COM SEU TIO, HOJE TAMBEM, NA VERDADE FAZIA TEMPO QUE EU TINHA IDO AVISAR SOBRE O BOI, MAIS NÃO QUIS ATRAPALHAR O PATRÃO, AI RELACHEI, NÃO TINHA COMO NEGAR DE QUE ESTAVA QUERENDO DE NOVO, SO QUE AGORA COM AQUELE PINHÃO, SEU CORPO CHEIRAVA A MATO, ENTÃO LHE DISSE ACHO MELHOR EU IR PARA CASA, QUERIA SABER DA INTENSÃO DELE, ELE FALA VAI NÃO, FICA AQUI, SO ESTAMOS NÓS, FICA VAI, QUERO TE FALAR UMA COISA FALOU ELE, A MOÇA DEIXA SEU TIO TE FUDER DE VERDADE, FALEI CLARO, ORQUE ACHA QUE GRITO, ELE ENTÃO ME FALA, COMO PODE, VOCE E TÃO PEQUENA, JA VI SEU TIO TOMANDO BANHO, ELE TEM PAU DE CAVALO, SEUS OLHOS BRILHAVA PARA MIM, ELE DESCEU A MÃO PARA TOCAR SEU PAU, ESTAVA DURO, QUE ELEVAVA A ROUPA, DEVIA ESTA SEM CUECA PARA TAMANHO VOLUME, LHE FALEI SE O TIO SABE DISSO VAI FICAR BRAVO, ELE ME FALA SO VOCE CONTAR, QUE VER COMO SOU, ELE ESTAVA APALPANDO SEU CACETE, EU JA PODIA MAIS RESISTI AQUELE PEÃO, QUE MAL TINHA UMA GOZADA, MEU TIO TINHA ME DEIXADO DESEJANDO FODER NOVAMENTE,TOMEI CORAGEM E FALEI, MOSTRA SEU PAU, ME PARECE GRANDE, VOCE GOSTA GRANDE PERGUNTOU ELE, GOSTO SIM, PORQUE ACHO QUE ESTOU AQUI HOJE, ELE NÃO SE CONTEVE, SOLTOU O CINTO DA CALÇA E ARRIOU DE UMA VÊS, QUASE CORRO DALI, O PAU DO CARA MAIS PARECIA UMA COBRA PINDURADA CHEGAVACA AO JOELHO, FIQUEI HIPINOTIZADA OLHANDO SEU MONSTRO, ELE SE APRESSOU, PEGA NELE VEM, ESTIREI O BRAÇO, SEGUREI E SUSPENDI, COLOQUEI ENTRE AS DUAS MÃOS E ALIZEI, ELE DEU UM GIRO NO CORPO E SE ENCOSTOU NA CANCELA, CONTINUEI ACARICIANDO SEU CACETÃO, SO ENTÃO FIZ O COMPARATIVO, DAVA QUASE O DOBRO NO TAMANHO E NA GROSSURA DO CACETE DO MEU TIO, FIQUEI PUNHETANDO ELE SOM AS DUAS MÃOS, POIS UMA SO NÃO CONSEGUIA ABARCAR, ALIZEI A CABEÇONA DO SEU CACETE, ELE GEMEU, HAAN, NOSSA MOÇA COMO VOCE SABE FAZER GOSTOSO, CONTINUA, MAIS MAIS, EU SUBIA E DESCIA MINHAS MÃOS SOBRE SEU CACETÃO, COMESSEI A SENTIR CONTRAÇÕES NA BUCETA, ERA SINAL DE QUE EU QUERIA SER PENETRADA, MINHA BUCETA SEMPRE SE CONTRAI DE DESEJO, MAIS EU PRECISAVA APROVEITAR AQUELE MOMENTO SUBLINE, DOIS CACETÕES NUM SO DIA ERA UMA GLORIA, ME CURVEI PARA CHUPAR SEU PAU, ELE SEGUROU MINHA CABEÇA, ALIZOU MEUS CABELOS E DISSE VAI,VAI CHUPA
ABRI A BOCA, ABOCANHEI, COMO QUEM ABOCANHA UMA MANGA ROSA, SEGUREI FIRME SEU CACETÃO NA TENTATIVA DE ENGOLI-LO, NÃO CONSEGUI COLOCAR MUITO DENTRO DA BOCA, POIS A CABEÇONA TOPOU NA MINHA GOELA QUASE VOMITEI, TEREI TOSSI, TOSSI, SENTI MEUS OLHOS ARDEREM, PELO ESFORÇO, ENTÃO ELE ME DIZ, DEIXA EU TIRAR SUA CALÇINHA, QUERO COLOCAR MEU CACETE NESTA BUCETINHA, SE VOCE AGUENTA SEU TIO VAI CONSEGUIR ME AGUENTAR TAMBEM, ME DEU UM FRIO NA BARRIGA, FUDER AQUELE PEÃO SERIA O MESMO QUE FUDER COM O CAVALO, SO FALTAVA A CHAPELETA QUE TEM O CAVALO PARA SER IGUAL, , SOLTEI SEU PAUZÃO E ME SEGUREI NA CANCELA, ELE SE ABAIXOU E RETIROU MINHA CALÇINHA, ENCOSTOU-SE EM MIM ENCAIXOU SEU CACETÃO ENTRE MINHA COXAS E COMESSOU A SE MOVER, SEU CARALHÃO ATRAVESSAVA MEU CORPO, DESPONTANDO SOBRE MINHA BUCETA, FECHEI AS COXAS, AGORA SENTIA SUA DUREVA, COM UMA MÃO SEGUREI A CABEÇONA DO SEU, DEIXANDO PRESA COMO SE ESTIVESSE DENTRO DA BUCETA, PELA SUA ALTURA SEU PAU FICAVA INCLINADO PARA BAIXO, ENTÃO SUBI NA CANCELA, QUERIA DEIXAR MINHA BUCETA NA MIRA DO SEU CACETÃO, ELE DEVE TER UNS 43 CM DE PICA, ENTÃO LEVEI SEU PAUZÃO PARA ENTRADA DA MINHA BUCETA, PINCELEI UMAS TRES VESES, ENTÃO ENCAIXEI SOLTANDO A MÃO, ELE SE AGARROU A MINHA E FEZ PRESSÃO, DEI UM GRITO UUIIIIIIIIIIIIIIIIIIII, QUANDO SEU PAU COMESSOU A ENTRAR, ELE PERGUNTOU QUE QUE EU PARE, FALEI NÃO BOTA MAIS, MAIS, , ME SEGUREI FIRME NA CANCELA DEIXANDO MEU INCLINADO PARA TRAZ, ELE COMESSOU A SOCAR, SOCAVA COM RAPIDEZ, RESPIRAVA FORTE COMO UM ANIMAL, NA POSIÇÃO DE QUE EU ESTAVA DAVA PARA VER CLARAMENTE SEU PAUZÃO ENTRANDO E SAINDO, POIS MAIS QUE ELE ENFIASSE NÃO CONSEGUIA ENFIALO TODINHO EM MIM, POIS JA TINHA ENCOSTADO EM MEU UTERO EU SENTIA APRESSÃO DO CACETÃO DENTRO DE MMI, COMESSEI A GOLTAR GRITINHO UUIIIIIIIIIIIIIIII, AAIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII, OOIIIIIIIIIIIIIIIIIII, VAI VAI, PEDRO, ME COME, QUERO GOZAR EM SEU PAU DE CAVALO, ENFIA, ENFIA, MAIS, MAIS, UUIIIIIIIIIIIIIIII, HANNNNNNNNN, HANNNNNNNNNNNN, ELE BOMBAVA COM TUDO, DE REPENTE SENTIR QUE IA GOZAR, GRITEI VOU GOZAR , VOU GOZAR, AAIIIIIIIIIIIII, AAIIIIIIIIIIIIIIIII FUI PERDENDO AS FORÇAS, SOLTEI MINHA MÃOS DA CANCELA, ELE ME ABRAÇOU, ME ENCLINEI PARA TRAZ, APENAS MEUS PÉS FICARAM PRESO A CANCELA, QUASE DESFALECI, DE TANTO GOZO, ELE DEU UMA UUURRRRRRO E TREMEU TODO SEU CORPO, MINHA BUCETA SE ENCHEU DE MUITA PORRA, DAVA PARA SENTIR O CALOR ME INVADINDO, DEIXEI MINHAS PERNAS SE SOLTAREM DA CANCELA, ELE FOI ME COLCANDO NO CHÃO, EU ESTAVA TREMULA, ELE FOI RETIRANDO SEU CACETÃO DE DENTRO DE MIM, QUE AINDA ESTAVA DURO, NOS SENTAMOS NOVAMENTE NA COCHEIRA, OLHEI PARA SEU PAU TODO MELADO DE NOSSAS PORRAS, NISSO ELE ME FALA, AGORPOSSO FALAR QUE PELA PRIMEIRA UMA MULHER NÃO SE ASOMBROU COM MEU CACETE, FALEI E ELA SE ASOMBRAM ELE DISSE SIM, QUASE NUNCA SAIO COM NENHUMA MULHER, ME TORNEI FAMOSO , OU ME VIRO COM AS EGUAS OU QUANDO VOU A CABARÉ, LA ELAS AINDA ME DEIXA COLOCAR UM PEDAÇO, VOCE DEIXOU EU ENFIAR MAIS DA METADE, VOCE E UMA MENINA DE BUCETA FUNDA, COLOQUEI A CALÇINHA, FUI PARA CASA TOMAR BANHO, POIS MEU CORPO TINHA GRUDADO O CHEIRO DELE, NÃO QUERIA QUE MEU TIO DESCONFIASSE DE NADA, DEPIS DO BANHO COLOQUEI UMA CALÇA E VOLTEI PARA O CURRAL, PASSADO ALGUM TEMPO EU JE PREPARAVA PARA IR DORMI, QUANDO AVISTAMOS A LUZ DO CARRO DO MEU TIO, ELE AO ME VER COM O PEDRO PERGUNTOU QUE ACONTECEU, ENTÃO LHE RESPONDI, NÃO QUERIA FICAR SOZINHA VIM PARA CÁ,ELE PEGOU UM ESTOJO COLOCOU O SORO E CHEGOU JUNTO AO BOI, APLICANDO EM SEU MAMILO, FICAMOS NA OBSERVAÇÃO DA REAÇÃO DO ANIMAL, AOS POUCOS ELE FOI SE MEXENDO ATE FICAR DE PÉ, MEU TIO DEU UM PULO DE ALEGRIA FALANDO ELE VAI FICAR BOM, SAIMOS DALI E FOMOS PARA CASA, DEPOIS DE ALGUM TEMPO, FOMOS NOS DEITAR, ELE ESTAVA TÃO CANÇADO QUE MAL ME DEU UM BEIJO, ATE ACHEI BOM POIS COM CERTESA ELE IRIA PERBER QUE MINHA BUCETINHA ESTRA MAIS ENLARGUECIDA, BEIJOS A TODOS, ............................ATE BREVE





Seja o primeiro a fazer um comentario nesse conto.
Comente esse conto abaixo

(Numero maximo de caracteres: 400) Você tem caracteres restantes.

Desejo registrar meu vonto junto com o meu comentario:

Outros contos publicados desse mesmo autor
 


Próximo Conto

Nosso casamento, seus machos e nossos negros