Eu minha mana e o pai da minha amiga


BY: ManuAnalTotal
Oi meu nome é Manuela mas me chamam de manu, sou loirinha tipo falsa-magra com peitos volumosos e uma bunda média bem empinadinha, tenho a bucetinha lizinha por natureza, não possuo pelinhos pelo corpo, tenho a xoxotinha bem saliente e um grelinho bem inchadinho, que me faz ficar com a raxinha bem saliente quando uso legin ou um shortinho apertado, sou viciada em sexo, principalmente sexo anal, essa foi a primeira parte do meu corpo que comecei explorar desde meus 12 aninhos, com 13 eu ja dava meu cuzinho para alguns coleguinhas do colégio, até que um dia minha irmã que tinha 14 anos me pegou no flagra dando pra 4 meninos e sendo fodida no cuzinho por todos eles, na hora tomei um susto, mas ana minha irmã quis entrar na festinha e eu adorei, mas o que não imaginava era ser beijada na boca por ela, e um beijo de lingua de tirar o folego, então ela ficando de quatro disse que queria experimentar no cuzinho tambem, foi a maior sacanagem .
Depois disso conversamos sobre o ocorrido e resolvemos que deveríamos experimentar um homem mais maduro com um pau maior e mais grosso e que soubesse foder de verdade, queríamos gozar dando o cuzinho e ver qual de nós duas aguentaria folder mais no cú .
Tenho uma amiga chamada Stéfany, e me convidou para seu aniversário que seria comemorado numa pizzaria , e no dia eu estava sentada ao lado do pai dela, eu vestia um vestidinho bem curto e coladinho tipo estica e puxa, com um fio dental por baixo que ficava entalado na buceta e só um fio de silicone enfiado no meu rabinho, em um dado momento nos viramos um para o outro e ficamos tão próximos que encostados o nariz um no outro, ficamos parados por poucos segundos, mas foi o suficiente pra minha bucetinha babar e meu cuzinho piscar de tesão, acho que ele sentiu o mesmo pois na mesma hora disse pra mãe da minha amiga que havia esquecido a carteira no carro e teria que ir buscar, eu mais que depressa disse que também tinha deixado minha bolsa já que tinha ido de carona com eles, levantamos e fomos até o estacionamento nem entramos no carro e ele me agarrou e nos beijamos como loucos, o lugar era escuro e estavam os atrás do carro, sua lingua invadia todos os cantos da minha boquinha, ele tremia parecendo um adolescente, apertou minha bunda levantando meu micro vestido e segurando minha bunda com as suas mãos arregassou meu cú me deixando louca, tirei seu pau pra fora e fiquei maravilhada com o tamanho e grossura daquele caralho enorme e delicioso, não resistí e cai de boca, mas não podíamos demorar então nos recompomos pra voltar, marcamos então pra irmos a um motel no dia seguinte, entao eu pedi toda dengosa pra enfiar dois dedos no meu rabinho antes de voltarmos pra pizzaria, ele ficou louco e molhou os dados no melzinho da minha bucetinha e depois atolou até o fundo no meu cuzinho guloso, e me beijou gostoso, voltamos e quando terminamos fomos embora, mas como eu havia ido de carona eles tinham que me levar em casa, mas sthefany estava apurada pra ir ao banheiro, então fomos primeiro pra casa dela e depois a mãe dela pediu pro Carlos me levar em casa, era tudo que eu queria.
Quando saímos ainda no carro ele já enfiou a mão no meio das minhas pernas e foi explorando minha bucetinha, ao chegar pedí pra ele esperar um pouco, fui até em casa e entrei no quarto de minha irmã, acordei ela e disse pra ela vestir algo rápido por que tinha uma surpresa pra ela, ela colocou um shortinho socado e um top que deixava seus peitos aparecendo por baixo, peguei na mão dela e levei até o carro , entramos e perguntei a Carlos se tinha problema eu levar minha maninha pra nós nos divertimos, fomos pra um motel e fizemos a maior sacanagem, foi a melhor foda anal que fizemos, chupamos juntas aquele pau delicioso e depois ficamos as duas de 4 e mandamos ele meter gostoso em nossos cuzinhos ele encostou aquela cabeçorra no meu cú e foi empurrando, pensei que não ia aguentar, mas o tesão era muito e fui sentindo aquele caralho gostoso entrar e socar até sentir as bolas bateram em minha buceta enquanto ele enfiava dois dedos no cuzinho de Ana.
Foi uma delicia mas o resto eu conto no próximo conto.
Beijos e xupadas a todos !



Foto 1 do conto: Eu minha mana e o pai da minha amiga



Seja o primeiro a fazer um comentario nesse conto.
Comente esse conto abaixo

(Numero maximo de caracteres: 400) Você tem caracteres restantes.

Desejo registrar meu vonto junto com o meu comentario:

Outros contos publicados desse mesmo autor
 


Próximo Conto

Marcelo & Sonia 15 - Alberto Comendo minha Esposa