A NETINHA QUE VEIO DO JAPÃO - SEGUNDA PARTE


BY: betoleandro
CONTINUAÇÃO                                                                                                             A NETINHA QUE VEIO DO JAPÃO:

       DEPOIS DE FUDER COM VOVÔ NO ESTABULO VOLTAMOS PRA CASA, SENTIA MINHA BUCETINHA ARDENDO PELO ALARGAMENTO DO SEU CACETÃO, AO CHEGAR EM CASA FUI DIRETO PARA O CHUVEIRO, ERA PERCEPITIVEL O ODOR DO MEU CORPO, NÃO QUERIA QUE MEU PAI PERCEBEÇE, APÓS TOMAR BANHO ME SENTI LIMPA E CHEIROSA, FUI ATE A SALA ME ENCONTRAR COM PAPAI, ELE ME FALOU QUE JA ESTAVA PRONTO PARA RETORNAR A CIDADE, ENTÃO LHE FALEI, PAI DEIXA EU FICAR AQUI COM VOVÔ, QUERO IR AMANHÃ CEDINHO BEBER LEITE NO CURRAL, FAZ TEMPO QUE NÃO TENHO ESTE PRAZER, MEU PAI CONCORDOU, PEDINDO PARA EU NÃO PREOCUPAR VOVÔ, SO QUE NA VERDADE O LEITE QUE EU QUERIA MESMO ERA O DO VOVÔ RUI, VOVÔ ME OLHOU RAPIDAMENTE, COM OLHAR DE ADMIRAÇÃO, AOS SE DESPEDIR DE PAPAI, DEI-LHE UM BEIJO COM UM ABRAÇO BEM FORTE, PROMETENDO ME COMPORTAR, VOVÔ ME SEGUROU PELA MÃO, ME CHAMANDO PARA ENTRAR, POIS A NOITE ESTAVA CHEGANDO E O TEMPO ESFRIANDO, COMENTOU QUE EU ESTAVA COM POUCA ROUPA, IA ME INCOMODAR,COM O FRIO, ENTÃO ME DISSE, VOCE QUER REALMENTE IR BEBER LEITE NO CURRAL AMANHÃ, APERTEI SUA MÃO E DISSE, QUERO, MAIS VOU COMESSAR BEBENDO O SEU DAQUI A POUCO, ELE OLHOU PARA OS LADOS, NÃO TINHA NINGUEM E DEU UMA PALMADA EM MINHAS NÁDEGAS FALANDO, MUITO SAFADINHA VOCE HEIM,, PEDI A ROSA A EMPREGADA QUE SE ENCONTRAVA NA COZINHA PARA COLOCAR ALGO PARA EU COMER, POIS ESTAVA CANÇADA E QUERIA IR DORMI MAIS CEDO, ELA ME DEU CUSCUZ COM LEITE E UM PEDAÇO DE CARNE ASSADA NA BRASA, COMI QUASE ENGOLINDO SEM MASTIGAR DIREITO, POIS QUERIA IR ME DEITAR, ESTAVA EXAUSTA DA TREPADA QUE DEI EM PÉ NO ESTABULO, REALMENTE A NOITE ESTAVA MESMO ESFRIANDO, FUI DIRETO PARA O QUARTO DE VOVÔ, ME JOGUEI NA CAMA ENORME, COM COLCHÃO DE MOLAS,, COMO NÃO TINHA ROUPA PARA DORMI, FIQUEI DE SAINHA CURTA MESMO, ME COBRI COM UMA COLCHA GROSSA E ADORMECI QUASE QUE DE IMEDIATO, NÃO SEI QUANTO TEMPO DORMI ATE VOVÔ VIM DORMI, ACORDEI COM ELE SE SENTANDO NA CAMA PELO PESO SEU CORPO GRANDÃO FEZ A CAMA SE MEXER. ME TIRANDO DO SONO QUE EU ESTAVA,, ELE FOI TIRANDO A ROUPA FICANDO SÓ DE CUECA, FEZ ISSO NA MAIOR NATURALIDADE, ENTÃO ME PERGUNTOU, VAI DORMI AQUI, SE QUISER PODE USAR O QUARTO AO LADO, ENTÃO LHE DISSE, QUERO FICAR AQUI, AFINAL FOI PRA FICAR PERTO DO SENHOR QUE RESOLVI DORMI, VEJA QUE NEM ROUPA EU TENHO PRA VESTIR AMANHÃ , ELE FALOU ACHO QUE TEM ROUPAS AI NA COMODA DE MAGDA E CRISTINA, ELAS VEM SEMPRE PRA CÁ, ENTÃO TIREI A CALÇINHA POR DEBAIXO DO LENÇOL E DEIXEI AO LADO DO TRAVESEIRO, VOVÔ AO TIRAR A CALÇA, SE LEVANTOU PARA COLOCA-LA EM CIMA DA COMODA, AO FICAR DE FRENTE PRA MIM, DEU PARA VER COMO SEU CARALHO É GRANDE, QUASE SAIA PELA PERNA DA CUECA, DEITOU-SE AO MEU LADO, LEVANTOU O LENÇOL E SE COLOCOU JUNTO DE MIM, FICAMOS COM OS CORPOS ENCOSTADOS, ME ENCLINEI PARA A ESQUERDA E PASSEI MINHA COXA SOBRE ELE, COLANDO MINHA BUCETINHA NA COXA DELE, O CONTATO DA MINHA BUCETINHA EM SEU CORPO ME DEIXOU EXCITADA, ALIZEI SEU TORAX POR DEBAIXO DO LENÇOL, ELE DIRIGIU SUA MÃO SOBRE MEU PEITO E ACARICIOU AQUELA MÃO GRANDE, COBRIA TODO MEU PEITO, POIS É PEQUENO, SEUS DEDOS PRENDERAM NO BIQUINHO DO PEITO QUE JA ESTAVA DURINHO DE TANTO TESÃO, FICOU DANDO PEQUENOS APERTOS, ENTRE OS DEDOS, , SUSPIREI DE DESEJO, ELE ME FALOU, VOCE É SEMPRE ASSIM SHUMIKO, ESTA SEMPRE QUERENDO FUDER, NÃO AGUENTA DOIS APERTOS, SOMENTE,, ASSENEI COM A CABEÇA, , MEU JOELHO TOCOU EM SEU CACETE, QUE ESTAVA DURO, SENTI NA COXA O CONTATO COM A CACEÇONA DO SEU CACETÃO, TINHA SAIDO PELA PERNA DA CUECA, ENTÃO SUBI EM CIMA DELE, QUERIA LHE TIRAR A CUECA, ME AFASTEI ATE FICAR SENTADA SOBRE OS JOELHOS DELE, ABRI OS BOTÕES DA CUECA, E LIBERTEI SEU CACETÃO, AGORA SIM, EU TINHA A VISÃO DO SEU MONSTRO, POR VOVÔ SER MORENO CLARO, SEU CACETE É ESCURO, COM A CACEÇONA ARROCHEADA, TENDO ABAIXO DA CABEÇONA UMA PARTE CLARA QUE CONSTRATAVA COM SUA COR, COMESSEI A ALIZAR SEU CACETÃO DE CIMA A BAIXO, LEVAVA A MÃO ATE SEUS CULHÕES, ELE DAVA PEQUENOS DEMIDOS HAN. HAN, PARECIA ESTA LHE FALTADO, AR NOS PULMÕES, MAIS ERA NA VERDADE GOSTANDO DO CONTATO DA MINHA MÃO, AGORA EU IA COMODAR A SITUAÇÃO, ELE ESTAVA SOBRE MEU CONTROLE, LEVEI SEU PAU PARA MINHA BOCA, BEIJEI A CABEÇONA, COMO QUEM BEIJA UMA MAÇA, TAL QQUAL É A CIRCUFERENCIA DELA, ELE QUASE UIVOU COM O CONTATO DA MINHA BOCA, ERGUEU O QUADRIL COMO SE DESEJASSE AJUDAR, PEDI FICA CALMO, QUERO SABOREAR ESTA DELICIA DE CACETE VÔ, NÃO PRECISA SE MOVER, SEU É BASTANTE GRANDE PARA EU CHUPAR, ABOCANHEI A CABEÇA, PASSEI A LINGUA EM SUA GLANDE,. ELE SE LEVANTOU NOVAMENTE, PERCEBI QUE ESTAVA LEVANDO ELE AO EXTASE, PARA QUEM GOSTA DE COMANDAR A FODA COM TAMANHO CACETÃO, AGORA ESTAVA SENDO DOMINADO, FUI BAIXANDO A CABEÇA, PARA PODER ENGOLIR SEU CACETE. SE É QUE EU CONSEGUIRIA ENGOLIR MAIS QUE 10CM, SUA GROSSURA PRENCHE MINHA BOQUINHA, QUE JA ESTAVA ME DEIXANDO SEM FOLEGO EU RESPIRAVA PELO NARIZ, SUBIA E DESCIA A CABEÇA, DEIXANDO SEU PAU, TODO MOLHADO PELA MINHA SALIVA, QUE SAIA EM ABUNDANCIA, COMESSEI A SENTIR MEU MAXILAR COMESSAR A DOER, FUI TIRANDO SEU CACETE DA BOCA, ELE ESTAVA DE OLHOS FECHADOS CURTIDO O PRAZER QUE EU LHE DAVA, TIREI A BLUSA E SAIA, FICANDO PÉLADINHA SOBRE, ELE A COR DAS NOSSAS PELES ERA DIFERENTE, EU BRANQUINHA, E ELE MORENO , SEU CACETÃO FICOU CAIDO PARA O LADO, PELO PESO DA SUA ENVERGADURA, ENTÃO ME SENTEI SOBRE SEU CACETE, DEIXANDO ELE PRESO, ENTRE MINHA COXAS, ENCAIXADO ENTRE OS LABIOS DA BUCETA, ME DEBRUÇEI SOBRE ELE, QUERIA LHE BEIJAR, SINTO MEU TESÃO AUMENTAR QUANDO COLOCO MEUS LÁBIOS NA BOCA DE ALGUEM, SEGUREI SEU ROSTO COM AS DUAS MÃOS, E FALEI, VÔ, NUNCA IMAGINEI ESTA ASSIM CONTIGO, AS COISAS ESTÃO INDO COM MUITA RAPIDEZ, ATE PARECE QUE NEM SOMOS PARENTES, GOSTO DE HOMENS MAIS VELHOS, SO NÃO IMAGINAVA SER CONTIGO, ELE LEVOU A MÃO A MINHA BUNDA, ALIZOU COM DELICADEZA, ME CONTRAÍ QUANDO ELE COM O DEDÃO ACARICIOU MEU CUZINHO, DESCEU A MÃO E TENTOU ENFIAR O DEDO NA BUCETINHA, GEMI, HHAAAN, HHAANNN, FAZ MAIS, , FAZ, AAIIIII, AAIIII, EU QUERIA SEU CACETÃO AGORA, TINHA QUE DEIXAR ELE ENFIAR O QUANTO PUDESSE, FRECCIONA MINHA BUCETA EM SEU PAU, SENTIA ELE DESLIZAR COMO FACILIDADE, ESCORRIA MUITO LIQUIDO DA BUCETA, TENHO FACILIDADE DE SOLTAR MUITO LIQUIDO DA BUCETA, ENTÃO LHE FALEI, VEM, COLOCA SEU CACETÃO EM MINHA BUCETA, FUI SAINDO DE CIMA DELE, ADMIRAVA O TAMANHO DO SEU CACETE, SE NÃO TIVESSE VISTO ELE ENFIAR QUASE TODO , NUNCA QUE EU IRIA ENCARAR ALGO MONSTROSO, ME DEITEI DE BRUÇOS, COLOQUEI O TRAVESSEIRO POR BAIXO DA BARRIGA, DEIXANDO MINHA BUNDA ELEVADA, FIZ ISSO AO LEMBRAR DO MEU PROFESSOR AMERICANO O JOHNSON, QUE ME COMIA, COM O TRAVESSEIRO ENBAIXO DA BARRIGA, ELE SE COLOCOU POR TRAZ DE MIM, FICOU PINCELANDO O CARALHO NA ENTRADA DA BUCETA, QUE PARECIA UMA CACHOEIRA DE TANTO LIQUIDO, PEDI VAI VÔ, NÃO JUDIA ASSIM, QUERO SENTIR SEU PAU ME VARANDO, BOTA VAI, BOTA, ELE ME ATENDEU, ENCAIXOU A CABEÇONA E FOI EMPURRANDO, EU SO SENTIA A BUCETA IR SE ALARGANDO, PARECIA QUE TINHA VIDA SEU CACETÃO ABRINDO CAMINHO EM DIREÇÃO AO MEU UTERO, LEVANTEI A BUNDA DE ENCONTRO A SEU CACETÃO, SENTIA MUITO PRAZER POR ESTA TODA CHEINHA DE PICONA , ELE SE APOIOU NOS BRAÇOS PARA CONTROLAR SEU PESO SOBRE MIM, COMESSEI A SOLTAR GRITINHOS, UUIIIII, UUUIIIIIII, AAIIIIIII, AAAIIIII, MAIS, MAIS, QUERO TUDO, VEM , VEM, ELE SUBIA E DESCIA, EU SENTIA SUA BARRIGA ENCOSTANDO EM MINHA BUNDA, MAIS SABIA DE QUE ELE NÃO TINHA ENFIADO TUDO AINDA, ERGUI MAIS A BUNDA ELE DEU UMA SOCADA MAIS FORTE, ALGO TOPOU DENTRO DE MIM CHEGANDO A CAUSAR UMA DORZINHA GOSTOSA, ELE COMESSOU A SOCAR MAIS RAPIDO, FUNGAVA EM MEU OUVIDO, PARA UM ANIMAL , COSSEI A SENTIR QUE IA GOZAR, MEUS GRITOS FORAM SE ELEVANDO HOOOOOOOO, HHOOOOOO, ME MATA, AAIII, AAAIII, BOTA TUDO VOZINHO, TUDO, TUDO, ELE ARRIOU O CORPO SOBRE O MEU, SENTI SEUS CULHÕES ENCOSTAR NA BUCETA, UMA DOR FORTE AFLOROU EM MEU UTERO, DESTA VES TINHA ENTRADO TUDO REALMENTE, GRITEI AAAAAAIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII AAAIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIIII, ME MATA, AAAIIIIIIIIIIIII, TO GOZANDO, NÃO PARA, ENFIA, ENFIA, OOIIIIIIIIIIII, OOOIIIIIIII, FUI RELAXANDO MEU CORAÇÃO BATIA FORTE, ELE CONTINUAVA SE MEXENDO DENTRO DE MIM, ENTÃO PAROU E FALOU, VIRA DE COSTAS, QUERO TE VER GOSANDO, ELE FOI SAINDO DE CIMA DE MIM, SEU CACETÃO SAIU BRILHANDO COM A MINHA PORRA, DE TANTO QUE TINHA PINGOU NO LENÇOL, ME COLOQUEI DE COSTAS, ELE PEGOU O TRAVESSEIRO E PEDIU PARA EU LEVANTAR A BUNDA, FIZ O QUE MANDOU, , FIQUEI EM DESNIVE DA MINHA BUCETA, COM MINHA CABEÇA, ELE SE COLOCOU ENTRE AS MINHAS COXAS, SEGURANDO SEU CACETE COMO QUEM SEGURA UM MANGOTE, ENCAIXOU NA BUCETA QUE ESTAVA ANÇEOSA PARA RECEBE-LO NOVAMENTE, DEU UMA EMPURRADA FORTE QUE ENTROU QUASE TUDO, GRITEI OOIIIIIIIIIIIII, OOIIIIIIIIIII, DEVAGAR, NÃO TENHO ESPAÇO PARA TANTO, DEVAGAR, AAIIIIIII ELE DEIXOU SEU CORPO
ARRIAR SOBRE MIM, O CACETÃO VEIO JUNTO, SUA FISIONOMIA ERA SERIA, PARECIA ESTA COM RAIVA, NÃO RESISTI, CRUZEI MINHAS PERNAS EM SEU QUADRIL, ELE A BUCETA, ELE ENTERROU O RESTANDO, GRITEI, PARA, VÔ , PARA, PARA, ESTA ME MACHUCANDO, DEVE TER FICANDO SURDO, SOCAVA CADA VES MAIS, EU SENTIA NOSSOS PELOS SE UNINDO, ERA DEMAIS PARA MIM, A DOR DEU LUGAR AO PRAZER, O ABRAÇEI FORTE, CRAVEI AS UNHAS EM SUAS COSTAS, ELE DEU UMA EMPURRÃO TÃO FORTE QUE EMPURROU MEU CORPO DE ENCONTRO AO ESPELHO DA CAMA, SOCAVA COM FORÇA, SENTI QUE IA GOZAR NOVAMENTE, GRITEI VAI, VAI, MAIS, MAIS, NÃO PARA, NÃO PARA OOIIIIIIIIIIIII, OOOOIIIIIIII, ME ESVAÍ NUM GRANDE ORGASMO, ELE DEU MAIS UMAS EMPURRDAS E GOZOU, ACHO QUE MINHA BUCETA ESTAVA NESTESUADA PELO MEU ORGASMO, POIS NÃO SENTI SEUYS JATOS DE ESPERNAS ME INUDANDO, FICAMOS ABRAÇADOS, PARECIA QUE TINHA TERMINADO UMA CORRIDA LONGA, NOSSAS RESPIRAÇÕES, ERA ALTAS, ELE FOI SE VIRANDO PARA O LADO ME LEVANDO JUNTO COM ELE, SEU PAU FICOU DENTRO DA MINHA BUCETA, EU SENTIA ELE IR MURCHANDO, DIMINUINDO A PRESSÃO DENTRO DE MIM, FICAMOS ABRAÇADOS POR UM BOM TEMPO, ATE QUE RECUPERAMOS A RESPIRAÇÃO, UMA CALMA SILENCIOSA DOMINAVA O AMBIENTE, ELE ME BEIJOU E CONVIDOU-ME PARA IR TOMAR BANHO, ENTRAMOS NO CHUVEIRO, ELE SE PROTIFICOU A ME ENSABOAR, PASSAVA A MÃO EM MEUS PEITINHOS, SE ABAIXOU PARA ENSABOAR MINHA BUCETINHA, O CONTATO DOS SEUS DEDOS ME EXCITOU NOVAMENTE, FIQUEI QUASE ESTATICA PARA RECEBER SEUS CARINHOS, ELE PERCEBENDO FALOU, NÃO ME DIGA QUE QUER NOVAMENTE, SIMPLESMENTE FALEI SE VOCE QUISER TAMBEM, ELE FALOU PRECISO DESCANÇAR, HOJE VOCE LEVOU AO EXTREMO TA BOM, CONCORDEI, MESMO QUERENDO MAIS, MAIS ISSO É OUTRA HISTORIA, BEIJOS A TODOS, ATE.............TCHAU




Foto 1 do conto: A NETINHA QUE VEIO DO JAPÃO - SEGUNDA PARTE

Foto 3 do conto: A NETINHA QUE VEIO DO JAPÃO - SEGUNDA PARTE



Seja o primeiro a fazer um comentario nesse conto.
Comente esse conto abaixo

(Numero maximo de caracteres: 400) Você tem caracteres restantes.

Desejo registrar meu vonto junto com o meu comentario:

Outros contos publicados desse mesmo autor
 


Próximo Conto

Ménage com esposa e um velho amigo